Embasa

Governo da Bahia
SICREDI
Ação
NOTÍCIAS

Governo do Estado e prefeituras definem alterações para medidas restritivas na Bahia

Sábado, 03 de Abril de 2021 / Bahia

Após reunião do governador Rui Costa com os gestores municipais, na tarde desta quinta-feira (1º), o Governo do Estado e prefeituras fizeram mudanças nas restrições vigentes. As medidas serão publicadas na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (2). Um das novidades é a redução do toque de recolher, que passa a valer das 20h às 5h, em todo o estado, no período de 5 a 12 de abril. 

Os estabelecimentos comerciais e de serviços deverão encerrar as atividades com até 30 minutos de antecedência do início da restrição de circulação de pessoas, que é das 20h às 5h, para garantir o deslocamento dos funcionários e colaboradores às suas residências.

Os estabelecimentos comerciais que funcionem como restaurantes, bares e congêneres deverão encerrar o atendimento presencial às 18h, permitidos os serviços de entrega em domicílio (delivery) de alimentação até as 24h.

A circulação dos meios de transporte metropolitanos deverá ser suspensa das 20h30 às 5h, no período de 5 de abril até 12 de abril.

Fica proibida, em todo o território da Bahia, a venda de bebida alcoólica em quaisquer estabelecimentos, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery), das 18h de 9 de abril até as 5h de 12 de abril.

Também segue proibida, em todo o estado, a prática de quaisquer atividades esportivas coletivas amadoras do dia 5 de abril até 12 de abril, sendo permitidas as práticas individuais, desde que não gerem aglomerações.

Fica autorizado, em todo o território baiano, o funcionamento de academias e estabelecimentos voltados para a realização de atividades físicas, de 5 de abril até 12 de abril, desde que limitada a ocupação ao máximo de 50% da capacidade do local, observados os protocolos sanitários estabelecidos.

Ficam suspensos eventos e atividades, em toda a Bahia, independentemente do número de participantes, ainda que previamente autorizados, que envolvam aglomeração de pessoas, tais como: eventos desportivos coletivos e amadores, cerimônias de casamento, eventos recreativos em logradouros públicos ou privados, circos, eventos científicos, solenidades de formatura, passeatas e afins, bem como aulas coletivas em academias de dança e ginástica, durante o período de 5 de abril até 12 de abril.

Os atos religiosos litúrgicos poderão ocorrer, desde que, cumulativamente, sejam atendidos os seguintes requisitos: respeito aos protocolos sanitários estabelecidos, especialmente o distanciamento social adequado e o uso de máscaras; instalações físicas amplas, que permitam ventilação natural cruzada; limitação da ocupação ao máximo de 30% da capacidade do local. 

Os meios de transporte metropolitanos aquaviários obedecerão às normas editadas pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba). A circulação dos
ferry boats deverá ser suspensa das 20h30 às 5h, no período de 5 de abril a 9 de abril. Fica proibido o funcionamento nos dias 10 e 11 de abril. 

A circulação das lanchinhas deverá ser suspensa das 20h30 às 5h, de 5 de abril a 12 de abril, e limitada a ocupação ao máximo de 50% da capacidade da embarcação no período de 10 e 11 de abril.

Ficam autorizados, durante os períodos de restrição previstos no decreto, os serviços necessários ao funcionamento de toda e qualquer atividade industrial, do setor eletroenergético, das centrais de telecomunicações (call centers) que operem em regime de 24h e dos Centros de Distribuição e o deslocamento dos seus trabalhadores.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Bahia registra 3.347 novos casos de Covid-19 e mais 127 óbitos pela doença

Sábado, 03 de Abril de 2021 / Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 3.347 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,4%) e 3.439 recuperados (+0,4%). O boletim epidemiológico desta sexta-feira (2) também registra 127 mortes. Apesar de terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro das mortes foram realizadas hoje. Dos 811.808 casos confirmados desde o início da pandemia, 780.270 já são considerados recuperados, 15.939 encontram-se ativos e 15.599 tiveram óbito confirmado.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.1303.45 casos descartados e 185.838 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta sexta-feira. Na Bahia, 45.666 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completoclique aqui ou acesse o Business Intelligence.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 15.599, representando uma letalidade de 1,92%. Dentre os óbitos, 55,39% ocorreram no sexo masculino e 44,61% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,77% corresponderam a parda, seguidos por branca com 21,49%, preta com 15,28%, amarela com 0,49%, indígena com 0,13% e não há informação em 7,85% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 67,11%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (73,97%).

A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.


Situação da regulação de Covid-19

Às 15h desta quinta-feira, 141 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 47 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

Vacinação

Com 1.682.111 vacinados contra o coronavírus (Covid-19), dos quais 323.156 receberam também a segunda dose, até as 15 horas desta sexta-feira, a Bahia é um dos estados do País com o maior número de imunizados. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/.

Tem se observado volume excedente de doses nos frascos das vacinas contra a Covid-19, o que possibilita a utilização de 11 e até 12 doses em apenas um frasco, assim como acontece com outras vacinas multidoses. O Ministério da Saúde emitiu uma nota que autoriza a utilização do volume excedente, desde que seja possível aspirar uma dose completa de 0,5 ml de um único frasco-ampola. Desta forma, poderá ser observado que alguns municípios possuem taxa de vacinação superior a 100%.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: Cooperfarms tem sobra recorde e cria Fundo de R$ 219 mil para amenizar impactos da COVID-19

Sábado, 03 de Abril de 2021 / Bahia

A Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms) apresentou na última quinta-feira (31), durante Assembleia Geral Ordinária Digital, o balanço financeiro de 2020, tendo aprovação por unanimidade de votos. 

A Cooperfarms encerrou 2020 com R$ 180 milhões de faturamento, redução de 4,89% em relação ao ano anterior, quando atingiu R$ 189 mi. Apesar da pequena queda no faturamento, as sobras à disposição cresceram 17,48 % na comparação com o ano anterior, ultrapassando R$ 2,1milhões. Em 2019, o número chegou a R$ 1,8 milhão. 

Em resposta ao saldo positivo de sobras e ao bom momento vivido do setor agrícola, os produtores associados definiram que uma parte (10%) do valor, cerca de R$ 219 mil, será destinada à criação de um fundo social da Cooperativa. A ideia é utilizar o recurso em ações regionais para amenizar os impactos econômicos e sociais causados pela COVID-19.  Já o restante do valor (90%) será repassado proporcionalmente a movimentação de cada associado dentro da cooperativa e distribuído em espécie, o que representa uma injeção de R$ 1,9 mi na economia da região. Este é o segundo ano consecutivo que a Cooperfarms leva à Assembleia o valor das sobras e opta pela distribuição aos cooperados. Além disso, a Cooperativa permanece com uma Reserva de Assistência Técnica, Educacional e Social (RATES) superior a R$ 558mil, recurso que tem destinação exclusiva na educação e formação de cooperados e colaboradores. 

O presidente da Cooperfarms, Marcelo Kappes, ressaltou que o resultado, novamente expressivo, se deve ao trabalho sério e cauteloso na gestão de custos da Cooperativa, além de novas estratégias de negócios. “O profissionalismo da nossa equipe e a confiança do produtor foram e serão essenciais para que a Cooperfarms cresça, porque dentro do sistema cooperativista a participação gera resultados, mas é preciso unidade para perseverar”, afirmou. 

Novo Conselho Fiscal – O momento também foi oportuno para a eleição dos novos membros do Conselho Fiscal para o exercício de 2021, sendo eles: Cláudio Cardoso, Camila Marchezan e Ivanir Pradella na titularidade e Igor Bortolin, Leandro Kohn e Maicon Fontana na suplência. 

O formato virtual da Assembleia atendeu as disposições do artigo 43-A da Lei nº. 5.764/71 (Lei Geral do Cooperativismo), o qual permite ao associado participar e votar a distância em reunião ou em assembleia realizadas em meio digital.


Blogbraga/Ascom Coopefarms

Compartilhar no Whatsapp

Governo do Estado e prefeituras definem alterações para medidas restritivas na Bahia

Sexta-feira, 02 de Abril de 2021 / Bahia

Após reunião do governador Rui Costa com os gestores municipais, na tarde desta quinta-feira (1º), o Governo do Estado e prefeituras fizeram mudanças nas restrições vigentes. As medidas serão publicadas na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (2). Um das novidades é a redução do toque de recolher, que passa a valer das 20h às 5h, em todo o estado, no período de 5 a 12 de abril.

Os estabelecimentos comerciais e de serviços deverão encerrar as atividades com até 30 minutos de antecedência do início da restrição de circulação de pessoas, que é das 20h às 5h, para garantir o deslocamento dos funcionários e colaboradores às suas residências.

Os estabelecimentos comerciais que funcionem como restaurantes, bares e congêneres deverão encerrar o atendimento presencial às 18h, permitidos os serviços de entrega em domicílio (delivery) de alimentação até as 24h.

A circulação dos meios de transporte metropolitanos deverá ser suspensa das 20h30 às 5h, no período de 5 de abril até 12 de abril.

Fica proibida, em todo o território da Bahia, a venda de bebida alcoólica em quaisquer estabelecimentos, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery), das 18h de 9 de abril até as 5h de 12 de abril.

Também segue proibida, em todo o estado, a prática de quaisquer atividades esportivas coletivas amadoras do dia 5 de abril até 12 de abril, sendo permitidas as práticas individuais, desde que não gerem aglomerações.

Fica autorizado, em todo o território baiano, o funcionamento de academias e estabelecimentos voltados para a realização de atividades físicas, de 5 de abril até 12 de abril, desde que limitada a ocupação ao máximo de 50% da capacidade do local, observados os protocolos sanitários estabelecidos.

Ficam suspensos eventos e atividades, em toda a Bahia, independentemente do número de participantes, ainda que previamente autorizados, que envolvam aglomeração de pessoas, tais como: eventos desportivos coletivos e amadores, cerimônias de casamento, eventos recreativos em logradouros públicos ou privados, circos, eventos científicos, solenidades de formatura, passeatas e afins, bem como aulas coletivas em academias de dança e ginástica, durante o período de 5 de abril até 12 de abril.

Os atos religiosos litúrgicos poderão ocorrer, desde que, cumulativamente, sejam atendidos os seguintes requisitos: respeito aos protocolos sanitários estabelecidos, especialmente o distanciamento social adequado e o uso de máscaras; instalações físicas amplas, que permitam ventilação natural cruzada; limitação da ocupação ao máximo de 30% da capacidade do local.

Os meios de transporte metropolitanos aquaviários obedecerão às normas editadas pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba). A circulação dos ferry boats deverá ser suspensa das 20h30 às 5h, no período de 5 de abril a 9 de abril. Fica proibido o funcionamento nos dias 10 e 11 de abril.

A circulação das lanchinhas deverá ser suspensa das 20h30 às 5h, de 5 de abril a 12 de abril, e limitada a ocupação ao máximo de 50% da capacidade da embarcação no período de 10 e 11 de abril.

Ficam autorizados, durante os períodos de restrição previstos no decreto, os serviços necessários ao funcionamento de toda e qualquer atividade industrial, do setor eletroenergético, das centrais de telecomunicações (call centers) que operem em regime de 24h e dos Centros de Distribuição e o deslocamento dos seus trabalhadores.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: Mais 495 mil vacinas contra covid-19 são transportadas pelo Estado

Quinta-feira, 01 de Abril de 2021 / Bahia

Aeronaves do Estado iniciaram, às 13h desta quinta-feira (1º), o transporte de mais 495 mil vacinas contra a covid-19. Os imunizantes estão sendo levados por aeronaves do Grupamento Aéreo (Graer) da Polícia Militar e da Casa Militar do Governador.

Cinco aviões e três helicópteros vão transportar os imunizantes para 41 trechos, nos quatro cantos do estado. A previsão de encerramento da operação é no final da noite.

"A missão é sempre levar, no mesmo dia da chegada, o maior número de vacinas para cidades da Região Metropolitana de Salvador e do interior. Ficamos felizes em garantir uma rápida imunização", declarou o comandante do Graer, tenente-coronel Wolney Anderson Santos de Almeida.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Bahia recebe mais 606.950 doses de vacinas, entre Coronavac e Astrazêneca

Quinta-feira, 01 de Abril de 2021 / Bahia

Mais 606.950 doses de vacinas contra a Covid-19 chegaram ao hangar do Grupamento Aéreo da Polícia Militar da Bahia (Graer), em Salvador, nesta quinta-feira (1º). São 45.750 doses da vacina Astrazêneca Fiocruz e 561.200 doses da vacina Coronavac Butantan. Ainda nesta quinta-feira, as vacinas serão encaminhadas para que comecem a ser distribuídas para municípios baianos.

Segundo a coordenadora estadual de imunização, Vânia Vanden Broucke,  as vacinas recebidas são em sua maioria remessas de segundas doses. “Iremos liberar hoje para os municípios duas remessas de segundas doses, referentes ao dia 10 de março.  A remessa do dia 17 de março ficará retida ainda nas centrais regionais de Rede de Frio para que, na próxima semana, possa ser entregue também nos municípios”. A coordenadora destacou que somente os municípios que já utilizaram 85% das doses recebidas é que estarão agora habilitados para receber uma nova remessa de primeiras doses, que serão distribuídas nesta também nesta quinta-feira.  

Em um comparativo nacional, a Bahia está posicionada como segundo estado que vacinou o maior percentual da população. Os dados precisos, com número de pessoas vacinadas, são atualizados regularmente e podem ser encontrados no site da Secretaria da Saúde do Estado.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Bahia registra 160 óbitos por Covid-19 em 24 horas, novo recorde no estado

Quinta-feira, 01 de Abril de 2021 / Bahia

Nesta quarta-feira (31) foram registrados 160 óbitos por Covid-19, um novo recorde de mortes pela doença registrados em 24 horas. Anteriormente, o maior número desde o início da pandemia em um boletim epidemiológico havia sido no dia 26 de março, quando houve registro de um total de 155. Apesar de os óbitos terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro foram contabilizados hoje.

A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 15.330, representando uma letalidade de 1,91%. Dentre os óbitos, 55,53% ocorreram no sexo masculino e 44,47% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,70% corresponderam a parda, seguidos por branca com 21,46%, preta com 15,30%, amarela com 0,50%, indígena com 0,13% e não há informação em 7,91% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 67,42%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (74,05%).

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 4.235 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,5%) e 3.361 recuperados (+0,4%). Dos 803.664 casos confirmados desde o início da pandemia, 773.050 já são considerados recuperados, 15.284 encontramse ativos e 15.330 tiveram óbito confirmado.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.124.464 casos descartados e 185.432 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta quarta-feira. Na Bahia, 45.510 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Situação da regulação de Covid-19

Às 15h desta quarta-feira, 122 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 17 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

Vacinação

Com 1.604.770 vacinados contra o coronavírus (Covid-19), dos quais 314.432 receberam também a segunda dose, até as 15 horas desta sexta-feira, a Bahia é um dos estados do País com o maior número de imunizados. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/.

Tem se observado volume excedente de doses nos frascos das vacinas contra a Covid-19, o que possibilita a utilização de 11 e até 12 doses em apenas um frasco, assim como acontece com outras vacinas multidoses. O Ministério da Saúde emitiu uma nota que autoriza a utilização do volume excedente, desde que seja possível aspirar uma dose completa de 0,5 ml de um único frasco-ampola. Desta forma, poderá ser observado que alguns municípios possuem taxa de vacinação superior a 100%.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

Bahia inicia vacinação de policiais e bombeiros contra o coronavírus

Quarta-feira, 31 de Março de 2021 / Bahia

As forças de segurança e salvamento da Bahia, que incluem policiais federais, militares, civis, bombeiros e guardas municipais com mais de 50 anos de idade, serão vacinados contra o coronavírus (Covid-19) a partir desta quinta-feira (1). A medida foi aprovada hoje (30) em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), que é uma instância deliberativa do Sistema Único de Saúde (SUS) e reúne os 417 municípios e o estado. 

O secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, explica que “a imunização contemplará todos que estão na ativa e iniciará de modo escalonado, com pessoas acima de 50 anos”, ressalta. 

As forças de segurança e salvamento estão previstas no Programa Nacional de Imunização, do Ministério da Saúde, e são um dos grupos que mais se expõem aos riscos de contágio. 

O secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino, destaca que “essa é uma decisão correta, pois durante a pandemia, cerca de 6.400 policiais e bombeiros da ativa foram afastados do trabalho por suspeita de infecção e 34 morreram”, afirma.

Atualmente, a Bahia é o terceiro estado com o maior percentual da população vacinada e deve acelerar mais, com a aquisição de 9,7 milhões de doses da Sputnik V feita pelo governador Rui Costa.


Blogbraga/SSP-BA/Fonte: Ascom / Kelly Hosana

Compartilhar no Whatsapp

Moradores do município de Ibotirama são beneficiados com obras de saneamento

Quarta-feira, 31 de Março de 2021 / Bahia

A Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS), através de sua vinculada, a Embasa, concluiu no último mês de fevereiro as obras de ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES), beneficiando 2.517 moradores do município de Ibotirama. Ao todo foram realizadas 514 novas ligações de esgoto em pontos diversos do SES e a execução de 5.796 metros de rede coletora e ramais prediais com investimento de R$ 1.897.313,00.

“O saneamento básico está diretamente relacionado à saúde. Além de prevenir doenças de veiculação hídrica, os benefícios também incluem avanços econômicos e sociais  para a sociedade. É um compromisso prioritário do governo do estado avançar com esses serviços em benefício da população baiana”, frisou Leonardo Góes, titular da SIHS.

O município de Ibotirama também será beneficiado com intervenções que vão garantir melhorias no sistema de abastecimento de água (SAA) que atende os moradores das localidades de Baixa Funda e Maria da Luz. Serão executados 6 mil metros de extensão de rede de distribuição, com 42 ligações domiciliares que vão beneficiar 148 habitantes. As obras terão investimento de R$ 168.336,78 e a previsão de conclusão é ainda este ano.


Blogbraga/Assessoria de Comunicação Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento

Compartilhar no Whatsapp

Mortes entre jovens com Covid-19 crescem 447% na Bahia; Vídeo

Quarta-feira, 31 de Março de 2021 / Bahia

Mais de 331 mil jovens entre 20 e 39 anos contraíram o coronavírus (Covid-19) na Bahia desde o início da pandemia. Ao analisar o número de óbitos mensais nesta faixa etária, identifica-se um aumento de 447% no comparativo de março deste ano com novembro de 2020.

“Em apenas quatro meses, o número de óbitos nesse grupo cresceu vertiginosamente. Por serem a base da pirâmide da força de trabalho, naturalmente estão mais expostos a infecção, porém ao não utilizarem a máscara, se recusarem a manter o distanciamento social e não higienizarem as mãos com frequência, agravam a situação”, afirma o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas.

Seja na capital ou no interior, quem participa das festas do tipo “paredão”, quando são usados grandes aparelhos de som automotivos, tem o risco aumentado para a infecção em virtude da aglomeração de pessoas. “A Covid-19 é uma doença traiçoeira, pois não há um perfil definido de quem terá sintomas leves ou graves, ainda que as comorbidades como obesidade, diabetes e hipertensão sejam elementos para agravar a situação. Ainda sim, há jovens que não sentem nada e outros que são intubados e morrem, o mesmo ocorrendo com idosos”, destaca o titular da pasta estadual da Saúde.

Sozinha, a faixa etária de 30 a 39 anos teve um incremento de 553% no comparativo das mortes ocorridas em novembro de 2020 e março de 2021. Já os jovens entre 20 e 29 anos tiveram um aumento de 250% no mesmo período.

Vacinação

Desde o início da pandemia, já morreram mais de 15 mil baianos e o mês de março de 2021 é o mais letal para todas as faixas etárias, exceto para quem tem 80 anos ou mais. “A inflexão do número de óbitos nas faixas etárias mais altas é resultado, ainda que incipiente, da vacinação. É preciso que o Ministério da Saúde acelere o envio de doses, garantindo a imunização da população o mais rápido possível”, ressalta Vilas-Boas, ao pontuar ainda que “o governador Rui Costa adquiriu 9,7 milhões de doses da Sputnik V para vacinar todos acima de 60 anos e profissionais da educação e segurança, o que contribuirá significativamente para acelerar o calendário de imunização na Bahia”, finaliza.

Com 1.412.664 vacinados contra o coronavírus (Covid-19), dos quais 309.629 receberam também a segunda dose, até as 15 horas de ontem (29), a Bahia é um dos estados do país com o maior número de imunizados. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/.

Gráficos


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: Estado lança Programa Educar para Trabalhar e ofertará 200 mil vagas de qualificação profissional para estudantes

Quarta-feira, 31 de Março de 2021 / Bahia

O governador Rui Costa lançou, durante a edição desta terça-feira (30) do Papo Correria, o Programa Educar Para Trabalhar – Programa de Qualificação Profissional, como parte do pacote de ações voltadas aos estudantes da rede estadual de ensino, no âmbito do programa Estado Solidário. Com o programa Educar Para Trabalhar, o Governo do Estado ofertará 200 mil novas vagas para 44 cursos gratuitos de qualificação profissional à distância, em 2021, na rede estadual de ensino.

Rui lembrou que o número de vagas vai permitir beneficiar, além dos alunos da rede profissional, 70 mil estudantes do Ensino Médio e também 22 mil egressos que saíram da rede nos últimos anos. “Ao todo temos 108 mil estudantes matriculados na rede de ensino profissional, mas queríamos ampliar o número de estudantes com acesso aos cursos. Fizemos uma parceria com o Sistema S e estamos ofertando cursos online em diferentes áreas. Esses cursos também vão contar para a jornada escolar, sendo mais um conteúdo disponibilizado para a rede estadual neste ano de retomada”, detalhou o governador.

Os cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) atenderão estudantes já matriculados que fazem cursos técnicos ou o Ensino Médio (1°, 2° e 3° e 4º ano) e beneficiarão, também, egressos da rede estadual. O objetivo é promover a qualificação dos estudantes para o mundo do trabalho e elevar a escolaridade.

“Este novo Programa de Qualificação integra a política de expansão da oferta de cursos de qualificação e formação profissional do governo do Estado da Bahia. A determinação do governador Rui Costa é que sejam ofertados cursos em todos os municípios e estamos trabalhando, mesmo com o cenário de pandemia, para proporcionar esta oportunidade aos nossos estudantes e egressos da rede estadual”, afirmou o secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues.

As vagas serão oferecidas nos 27 Territórios de Identidade da Bahia, alcançando os 417 municípios. Os cursos serão nos eixos tecnológicos de Meio ambiente e Saúde; Controle e Processos Industriais; Gestão e Negócios; Informação e Comunicação; Infraestrutura; Produção Alimentícia; Produção Cultural e Designer; Produção Industrial; Recursos Naturais; e Turismo, Hospitalidade e Lazer.

Ao longo do ano, serão realizados dois processos seletivos, via sorteio eletrônico com editais a serem publicados, nos meses de maio e julho, no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br) e amplamente divulgados na imprensa. Os cursos terão carga-horária entre 160 e 240 horas, com duração de até quatro meses e, ao final, o estudante receberá certificado na conclusão do curso. Por causa da pandemia do novo Coronavírus, os cursos deverão começar na modalidade 100% remota, no formato Educação à Distância (EaD), envolvendo parcerias com instituições públicas e privadas, a exemplo do SENAI, SENAC e SENAR. O estudante também precisará ter 75% da frequência e de nota seis nas atividades.

Para o estudante Marcos Gabriel Patrocínio, 17, que faz o curso técnico de nível médio em Comunicação Visual, no Centro Estadual de Educação Profissional em Tecnologia Informação e Comunicação (CEEP TIC), em Lauro de Freitas, esta é mais uma oportunidade de qualificação para a sua formação. “Estes novos cursos são de extrema importância, porque vão me oferecer mais uma chance de aperfeiçoar o meu aprendizado e, por serem mais curtos, posso almejar um espaço no mercado de trabalho e ajudar a minha família, enquanto concluo o curso de Comunicação Visual”.

Segundo o diretor Denis Daltro, do CEEP TIC, com os novos cursos a Bahia dá um salto na qualificação profissional. “É muito importante a iniciativa do Governo do Estado em promover os cursos FIC, porque iremos abranger toda a Bahia, dando a oportunidade para que os jovens dos cursos técnicos e do Ensino Médio, bem como os egressos da rede estadual, desenvolvam habilidades e competências que somem ao seu conhecimento e os insiram no mundo do trabalho”.

Outras políticas de assistência estudantil

Além do programa de qualificação, o Governo da Bahia investe em mais três programas de assistência estudantil, cujos investimentos somam mais de R$ 410 milhões, em 2021, com recursos próprios do Estado. Com o Programa Vale-alimentação Estudantil, cada estudante matriculado na rede estadual recebe R$ 55 para a compra de gêneros alimentícios, o que representa investimento de R$ 44 milhões por parcela. Com o Programa Mais Estudo, bolsas de R$ 100 serão concedidas para 52 mil estudantes, que darão monitoria em Língua Portuguesa, Matemática e Educação Científica aos colegas.

O outro programa é o Bolsa Presença, que concederá R$ 150 reais para cada família de baixa renda, cadastrada no CaD Único e com filhos na rede estadual. O objetivo do Bolsa Presença é assegurar a permanência dos estudantes nas escolas, evitar o abandono e fortalecer o vínculo com a escola.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Bombeiros monitoram incêndios que atingem Chapada e Sul do estado

Terça-feira, 30 de Março de 2021 / Bahia

Chamas na região de Una e do Parque Nacional da Chapada Diamantina são controladas por equipes dos 5º e 11º GBMs (Ilhéus e Itaberaba).

Equipes dos 5º e 11º Gurpamentos de Bombeiros Militar (GBMs/ Ilhéus e Itaberaba, respectivamente) intensificam o trabalho contra incêndios que atingem pontos de Mata Atlântica nos municípios de Una, extremo Sul do estado, Palmeiras e Lençóis, na região da Chapada Diamantina. Cinquenta militares atuam, desde a última semana, no controle das chamas.

Próximo à Ilha de Comandatuba, em Una, 16 bombeiros trabalham na contenção do fogo, que já atingiu cerca de 50 hectares de matagal de difícil acesso. O comandante do 5º GBM, tenente-coronel Ednei Silva Factum Anjos, explicou que o trabalho é reforçado com o apoio de drones cedidos pela prefeitura daquele município.

“É com esse equipamento que conseguimos mensurar o tamanho da extensão tomada pelas chamas. Debelamos o fogo na parte que atingia os arredores do aeroporto da cidade e estamos unindo esforços pra conter o restante do fogo”, contou.

Já as equipes do 11º GBM, compostas por 34 bombeiros, monitoram três pontos de incêndio que atingiram o Parque Nacional da Chapada Diamantina, entre os municípios de Palmeiras e Lençóis. A tropa atua, desde o dia 24 de março, nas regiões do Morro do Camelo e do povoado de Estiva, localizadas em uma Área de Proteção Ambiental (APA).

“Podemos dizer que os focos já estão controlados e agora estamos trabalhando com o rescaldo e o acompanhamento do local para evitar que outros pontos voltem a queimar”, contou o subcomandante do 11º GBM, major Murilo Rocha.

Além dos caminhões Auto Bomba Tanque, mochilas costais, abafadores e enxadas, as equipes contam com o apoio de duas aeronaves do programa 'Bahia sem Fogo', coordenado pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema), brigadistas voluntários e de equipes do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).~

Arraial d'Ajuda

Além destes, equipes dos 4º, 5º, 6º e do 18º Grupamentos de Bombeiro Militar (GBMs/Itabuna, Ilhéus, Porto Seguro e Teixeira de Freitas) e oito policiais do Grupamento Aéreo (Graer) da PM conseguiram debelar o incêndio que atingia Reserva Florestal da Aldeia Velha, em Arraial d'Ajuda, no município de Porto Seguro.

Viaturas auto incêndio florestal (AIF), carros-pipas, um helicóptero e uma motobomba d'água Mini Striker, aparelho que leva água de lagos e rios para a região de incêndio foram necessários para debelar o fogo que atingiu 200 hectares de uma área total de 2.100.


Blogbraga/Assessoria de Comunicação Secretaria da Segurança Pública da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

PRF na Bahia lança Operação Semana Santa com foco na segurança viária e à garantia da mobilidade nas rodovias

Terça-feira, 30 de Março de 2021 / Bahia

 

Confira também as orientações da PRF sobre os cuidados ao dirigir nesse período, marcado pelo início da temporada chuvosa no estado.

A Polícia Rodoviária Federal realizará a Operação Semana Santa 2021 a partir da próxima quinta-feira (01) e segue até às 23h59 de domingo (04). Com quatro dias de Operação, policiais rodoviários federais reforçarão trechos estratégicos nos mais de 10 mil quilômetros de malha viária que cortam o estado, priorizando ações voltadas à segurança viária, prevenção e redução da gravidade dos acidentes de trânsito e à garantia da mobilidade nas rodovias do país.

Mesmo em um momento diferenciado com as restrições e medidas preventivas de combate a disseminação da COVID-19, a estratégia da PRF é garantir aos usuários a segurança viária, o conforto e a fluidez do trânsito.

Historicamente, o período do feriado prolongado da Semana Santa é marcado pelo aumento do fluxo de veículos e usuários circulando pelas rodovias federais para os mais diversos destinos e o uso abusivo de álcool é uma das principais preocupações do Órgão.

Dirigir sob influência de álcool é uma infração gravíssima punida com detenção, de seis meses a três anos, multa de R$ 2.934,70, sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor. O valor da multa dobra se o caso for de reincidência nos últimos doze meses. Se o índice verificado no ‘bafômetro’ for superior a 0,33mg/l, o condutor será encaminhado à delegacia para responder criminalmente.

O uso do cinto de segurança, do capacete e dos dispositivos de retenção para crianças, além de fiscalizações específicas de motocicletas e condições de conservação dos veículos, também estão entre os focos das equipes da PRF.

Também estão entre os focos das equipes da PRF, fiscalizações específicas a veículos de carga. Em virtude do tamanho dos veículos e do peso relacionado às cargas transportadas por eles, os acidentes que envolvem veículos de carga geralmente têm maiores proporções e geram maior gravidade das lesões ou a morte dos envolvidos, o que faz com que haja uma maior preocupação com o estado de conservação destes veículos.

Além da atenção às regras de trânsito, os cuidados com o automóvel também são fundamentais e alguns itens são indispensáveis para uma viagem segura. É importante que se faça a conferência dos itens de segurança do veículo, calibrando os pneus e observando os sulcos dos pneus, checando o bom funcionamento dos limpadores de para-brisas e testando o funcionamento da iluminação como faróis, lanternas traseiras, setas, luzes de freio e ré.

A PRF também intensificará sua atuação no combate ao crime, em especial realizando abordagens focadas nas informações do serviço de inteligência e a utilização de ferramentas de comunicação, para prender criminosos, recuperar veículos roubados e retirar armas ilegais, drogas e produtos contrabandeados de circulação.

Fluxo de veículos

A PRF está preparada para um aumento na quantidade de veículos se deslocando de forma uniforme em todo o estado. A expectativa é que o pico de movimento na saída para o feriado prolongado deve se concentrar entre o fim da tarde e início da noite de quarta-feira (31) e durante todo o dia de quinta-feira (01). O retorno deve ter um fluxo maior de veículos durante a tarde e a noite de domingo (04).

Restrições de tráfego

A PRF também faz um alerta aos motoristas profissionais. A fim de promover a fluidez do trânsito em grandes feriados, quando há maior movimentação nas estradas, foi editada uma portaria, que define os tipos de veículos que sofrerão restrição de tráfego durante feriados nacionais e regionais no ano de 2021.

A restrição abrangerá apenas os trechos rodoviários de pista simples, com exceção dos trechos específicos estabelecidos no Anexo da Portaria e o descumprimento constitui infração de trânsito de natureza média (5 pontos) e multa de R$ 130,16, sendo que o motorista só poderá voltar a circular após o término do horário da restrição.

No período da Semana Santa, os dias e horários de restrição serão:

01/04/2021 (quinta-feira) – 16:00 às 22:00

02/04/2021 (sexta-feira) – 06:00 às 12:00

04/04/2021 (domingo) – 16:00 às 22:00

Nestes dias e horários estarão proibidos o trânsito de Combinações de Veículos de Cargas (CVC), portando Autorização Especial de Trânsito (AET), de Combinações de Transporte de Veículos (CTV) e Combinações de Transporte de Veículos e Cargas Paletizadas (CTVP), portando ou não a AET, bem como o trânsito dos demais veículos portadores de AET.

Para os dias chuvosos

Nas rodovias federais que passam pela Bahia, a PRF estará atenta ao comportamento dos motoristas em pista molhada. Dirigir nessa época do ano no estado, marcado pelo início da temporada chuvosa, exige cuidado redobrado.

O motorista deve dirigir com cautela sobre pista molhada. Os acidentes que ocorrem sob chuva, geralmente são provocados pela diminuição da visibilidade, falta de atenção e velocidade incompatível.

Principalmente durante as primeiras chuvas, a água e o acúmulo de sujeira e óleo no asfalto tornam as pistas escorregadias, causando deslizamentos em casos de mudança de faixa e freadas bruscas. As poças d’água que se formam em alguns trechos das rodovias podem provocar a perda da direção do veículo e causar sérios acidentes. A visibilidade também fica comprometida, principalmente durante as chuvas fortes, quando todas as janelas do veículo são fechadas e os vidros embaçam.

Para os dias chuvosos, a PRF orienta aos motoristas transitar com velocidade moderada, sempre a direita da via, acender os faróis (baixo), manter distância segura do outro veículo que segue a sua frente, evitar manobras e freadas bruscas.

Dez Dicas para Dirigir sob chuva

1) Só ultrapassar com segurança: ultrapassagens indevidas e avanço de sinal dão causa a muitos acidentes graves. Sob chuva, não havendo redução na velocidade normal de tráfego, o tempo de frenagem é maior. Desse modo, sob chuva a ultrapassagem deve ser evitada e só realizada de forma segura e quando necessária.

2) Usar farol baixo sempre aceso: O uso do farol baixo durante o dia, além de obrigatório nas rodovias, deixa seu veículo mais visível. Quando você acende os faróis, luzes vermelhas também se acenderão na parte traseira do veículo, e elas, em caso de chuva, são de extrema importância para evitar colisões.

3) Manter distância entre veículos em movimento: Manter distância segura entre veículos em condições de chuva torna-se ainda mais importante. Tal distância deve garantir ao motorista tempo hábil para que adote os procedimentos necessários enquanto dirige. Redobre o cuidado em curvas e frenagens.

4) Efeito aquaplanagem: fenômeno pelo qual os pneus não conseguem remover a lâmina de água e perdem o contato com o pavimento. A aquaplanagem ocorre pelo excesso de água na pista, velocidade demasiada e pneus com profundidade de sulco insuficiente. Durante a aquaplanagem, a direção fica repentinamente leve tornando-se muito difícil de controlar o veículo. Os procedimentos corretos nesse caso são: a) segurar firmemente o volante, sem virar. Rodas viradas para um dos lados podem levar ao capotamento quando a aderência voltar a existir entre os pneus e a pista; b) tirar o pé do acelerador e diminuir a velocidade, mas não frear bruscamente, pois se as rodas estiverem travadas no momento que voltar o contato dos pneus com a pista, o carro se desgovernará; c) estabelecer um padrão seguro de velocidade para a situação.

5) Checar pneus e limpadores de pára-brisas: mantenha as palhetas de pára-brisas em bom estado. Faça a checagem antecipada de itens básicos como freios, fluídos, iluminação. Não insista em usar seu veículo se ele apresentar algum problema mecânico ou elétrico, mesmo que pareça simples. Dê atenção especial ao estado dos pneus em tempos de chuva, pois além da perda natural de tração, seu desgaste excessivo comprometerá a dirigibilidade.

6) Desembaçar os vidros: mantenha os vidros limpos, desengordurados e desembaçados. Se o para-brisas embaçar, tente diminuir a temperatura interna do veículo. Ligue o ar-condicionado ou o ventilador e, se o veículo não dispuser desses recursos, deixe os vidros com uma pequena abertura para que o ar circule. Esfregar as mãos sobre o vidro geralmente não resolve o problema. É mais aconselhável limpar o pará-brisa, internamente, com um jornal ou pano limpo.

7) Atenção a locais de travessia de pedestres: é corriqueiro os pedestres correrem sob chuva, atravessando ou andando à margem de pistas de rolamento, avenidas e ruas sem os devidos cuidados. Para evitar atropelamentos uma boa dica é dirigir preventivamente, com extrema atenção e velocidade moderada, sobretudo, em locais nos quais há sinais visíveis da possibilidade de travessia de pedestres.

8) Evitar vias alagadas: evitar passar sobre poças ou lugares com acúmulo de água. Vias inundadas devem ser evitadas, pois podem esconder obstáculos, além de nem sempre permitirem estimar a profundidade. Motoristas de veículos pequenos costumam observar a passagem dos maiores para avaliarem às condições de trafegabilidade. Esse critério é perigoso, considerando as diferentes características dos veículos. O excesso de água pode reduzir o desempenho do sistema de freios, causar a parada do motor e até danificá-lo.

9) Em caso de chuva forte: boa visibilidade é requisito de segurança. Se a chuva estiver muito forte, estacione seu veículo em local seguro, mas jamais pare sobre a via. Uma vez parado corretamente, deixe seu veículo visível, ligando seu pisca alerta enquanto aguarda a chuva diminuir ou passar. Algumas pessoas, em situações de pânico, saem de seus veículos, colocando-se em extremo risco e ignorando o fato de que, muito provavelmente, não serão vistas por outros motoristas nessas situações. Mantenha a calma e avalie suas atitudes com prudência.

10) Cuidados específicos para veículos de duas rodas: com as chuvas, a dirigibilidade dos veículos de duas rodas torna-se mais difícil. Portanto, considerando a fragilidade desse tipo de transporte, a dica principal é a prudência e o respeito às regras de trânsito. Usar roupa apropriada, como capa ou macacão impermeável.

A Polícia Rodoviária Federal deseja um bom feriado a todos e reforça que o condutor deve manter atenção constante ao trafegar no trânsito. Muitos são os fatores que podem contribuir para acidentes graves e muitas vezes fatais. Um segundo de desatenção é o suficiente para acarretar graves consequências para condutores, passageiros e pedestres.

Para informações, denúncias, comunicação de crimes e acidentes a PRF dispõe do número de emergência 191. A ligação é gratuita e atende 24 horas em qualquer parte do País.


Blogbraga/PRF

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: PREFEITOS DE IPUPIARA, RIO DO PIRES E SAPEAÇU SOFREM REPRESENTAÇÃO AO MPE

Terça-feira, 30 de Março de 2021 / Bahia

Na sessão desta terça-feira (30/03), realizada por meio eletrônico, os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios determinaram que sejam feitas representações ao Ministério Público Estadual contra os prefeitos de Ipupiara, Ascir Leite Santos; de Rio do Pires, Gilvânio Antônio dos Santos; e de Sapeaçu, George Vieira Góis, pelo pagamento indevido de multas e juros em razão de atraso no recolhimento de parcelas relativas a obrigações previdenciárias, no exercício de 2019. Os gestores também foram punidos com multa no valor de R$1,5 mil cada.

Os conselheiros determinaram, ainda, a restituição aos cofres municipais, com recursos pessoais, dos valores gastos indevidamente. Assim, o prefeito de Ipupiara terá que devolver o montante de R$24.556,59, enquanto o prefeito de Rio do Pires devolverá a quantia de R$24.855,26. Já ao gestor de Sapeaçu foi determinado o ressarcimento de R$47.247,14.

O relator dos processos, conselheiro Fernando Vita, afirmou que o não cumprimento dos prazos e formalidades exigidas pela legislação previdenciária, implica no prejuízo – injustificável – ao erário, impondo aos responsáveis pelo ato a obrigação de ressarcir o dano causado.

Cabe recurso das decisões.


Blogbraga/Assessoria de Comunicação Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Bahia inicia vacinação das polícias contra o coronavírus

Terça-feira, 30 de Março de 2021 / Bahia

Foto: Arquivo Blogbraga

As forças de segurança e salvamento da Bahia, que incluem policiais federais, militares, civis, bombeiros e guardas municipais com mais de 50 anos de idade, serão vacinados contra o coronavírus (Covid-19) a partir desta quinta-feira (1º). A medida foi aprovada nesta terça (30) em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), que é uma instância deliberativa do Sistema Único de Saúde (SUS) e reúne os 417 municípios e o estado.

O secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, explica que “a imunização contemplará todos que estão na ativa e iniciará de modo escalonado, com pessoas acima de 50 anos”, ressalta.

As forças de segurança e salvamento estão previstas no Programa Nacional de Imunização, do Ministério da Saúde, e são um dos grupos que mais se expõem aos riscos de contágio.

O secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino, destaca que “essa é uma decisão correta, pois durante a pandemia, cerca de 6.400 policiais e bombeiros da ativa foram afastados do trabalho por suspeita de infecção e 34 morreram”, afirma.

Atualmente, a Bahia é o terceiro estado com o maior percentual da população vacinada e deve acelerar mais, com a aquisição de 9,7 milhões de doses da Sputnik V feita pelo governador Rui Costa.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Governadores divulgam carta contra fake news e pedem adoção de providências

Terça-feira, 30 de Março de 2021 / Bahia

O governador da Bahia, Rui Costa, e governadores de todas as regiões do país divulgaram, na noite desta segunda-feira (29), uma carta em que manifestam "indignação em face da crescente onda de agressões e difusão de Fake News que visam a criar instabilidade institucional nos Estados e no País".

Na carta, os gestores lembram que o Brasil vive um período de emergência pública, em razão da aceleração dos casos de covid-19. "Enquanto isso, alguns agentes políticos espalham mentiras sobre dinheiro jamais repassado aos estados, fomentam tentativas de cassação de mandatos, tentam manipular policiais contra a ordem democrática, entre outros atos absurdos", afirma o texto.

Os governadores ainda convocam o presidente da República e os presidentes da Câmara dos Deputados, do Senado e do Supremo Tribunal Federal (STF) "para que adotem todas as providências de modo a coibir tais atos ilegais e imorais".

Por fim, demonstram solidariedade e apoio às forças policiais em relação a "reivindicações justas quanto à vacinação, pleito em análise no âmbito do Ministério da Saúde pela Comissão Intergestores Tripartite - CIT".

Além de Rui Costa, assinam a carta os governadores Flávio Dino (Maranhão), Helder Barbalho (Pará), Paulo Câmara (Pernambuco), João Doria (São Paulo), Ronaldo Caiado (Goiás), Mauro Mendes (Mato Grosso), Eduardo Leite (Rio Grande do Sul), Camilo Santana (Ceará), João Azevêdo (Paraíba), Renato Casagrande (Espírito Santo), Wellington Dias (Piauí), Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte), Belivaldo Chagas (Sergipe), Reinaldo Azambuja (Mato Grosso do Sul) e Waldez Góes (Amapá).


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Bahia ultrapassa 15 mil óbitos por Covid-19

Terça-feira, 30 de Março de 2021 / Bahia

A Bahia registrou nesta segunda-feira (29), mais um triste marco da pandemia do coronavírus (Covid-19), ao ultrapassar a marca de 15 mil mortes. Ao todo, o boletim epidemiológico contabiliza 15.050 mortes. Foram registrados 1.068 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,1%) e 2.159 recuperados (+0,3%), no boletim epidemiológico de hoje.

Dos 795.505 casos confirmados desde o início da pandemia, 765.663 já são considerados recuperados e 14.792 encontram-se ativos.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.117.694 casos descartados e 181.883 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta segunda-feira. Na Bahia, 45.324 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 15.050, representando uma letalidade de 1,89%. Dentre os óbitos, 55,69% ocorreram no sexo masculino e 44,31% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,88% corresponderam a parda, seguidos por branca com 21,40%, preta com 15,19%, amarela com 0,50%, indígena com 0,13% e não há informação em 7,90% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 67,80%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (74,05%).

A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

Situação da regulação de Covid-19

Às 15h desta segunda-feira, 198 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 69 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

Vacinação

Com 1.412.664 vacinados contra o coronavírus (Covid-19), dos quais 309.629 receberam também a segunda dose, até as 15 horas desta segunda-feira, a Bahia é um dos estados do País com o maior número de imunizados. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/.

Tem se observado volume excedente de doses nos frascos das vacinas contra a Covid-19, o que possibilita a utilização de 11 e até 12 doses em apenas um frasco, assim como acontece com outras vacinas multidoses. O Ministério da Saúde emitiu uma nota que autoriza a utilização do volume excedente, desde que seja possível aspirar uma dose completa de 0,5 ml de um único frasco-ampola. Desta forma, poderá ser observado que alguns municípios possuem taxa de vacinação superior a 100%.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: Governador lamenta morte de PM e reconhece trabalho dos policiais em operação

Terça-feira, 30 de Março de 2021 / Bahia

Nesta segunda-feira (29), por meio de vídeo divulgado pelas redes sociais e para imprensa, o governador Rui Costa se pronunciou a respeito da operação envolvendo o policial militar Wesley Soares, no Farol da Barra, em Salvador. “Quero lamentar profundamente o fato ocorrido neste domingo e, ao mesmo tempo, demonstrar meus sentimentos e solidariedade com a família do policial envolvido, mas também quero estender minha solidariedade a todos os policiais que participaram daquela operação. Todos que participaram merecem aqui o nosso reconhecimento porque colocaram sua própria vida em risco”, afirmou o governador.

Rui citou também as fake news e discursos de ódio contra políticos: “O Brasil vive um ambiente de difusão do ódio, da mentira e da calúnia desde 2018. A cada dia que passa, a situação se agrava ainda mais. O final de semana inteiro foi de ataque, não só ao governador da Bahia, mas a vários governadores e prefeitos do país inteiro. Se alguém acha que vai nos intimidar distribuindo mentiras, calúnia, difamação, está muito enganado”.

Vacina para policiais

Ainda no vídeo, Rui ressaltou o engajamento para conseguir vacinar a população contra o coronavírus. “Continuaremos lutando, dia após dia, por mais vacinas para os policiais militares e civis, guardas municipais, trabalhadores da educação. Vamos continuar trabalhando pela paz em nosso país, pelo desenvolvimento, pela harmonia, pelo respeito à lei e à constituição brasileira”, disse.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: Governo define medidas restritivas para a região norte durante Semana Santa

Terça-feira, 30 de Março de 2021 / Bahia

As regiões de Juazeiro e Senhor do Bonfim terão medidas restritivas entre as 12h de 1º de abril e as 5h de 5 de abril. No período apenas os serviços essenciais devem funcionar em 22 municípios. A decisão do Governo do Estado e prefeituras tem o objetivo de frear a disseminação da Covid-19.

As medidas valem para os municípios de Andorinha, Antônio Gonçalves, Campo Alegre de Lourdes, Campo Formoso, Cansanção, Canudos, Casa Nova, Curaçá, Filadélfia, Itiúba, Jaguarari, Juazeiro, Nordestina, Pilão Arcado, Pindobaçu, Ponto Novo, Queimadas, Remanso, Senhor do Bonfim, Sento Sé, Sobradinho e Uauá. O decreto com as restrições será publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (30).

Devem funcionar, no período, somente as atividades relacionadas à saúde e ao enfrentamento da pandemia, bem como à comercialização de gêneros alimentícios e feiras livres. Fica vedada a venda de bebida alcoólica em quaisquer estabelecimentos, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery), das 12h de 1º de abril até as 5h de 5 de abril.

Os estabelecimentos comerciais que funcionem como restaurantes, bares e congêneres podem operar de portas fechadas, na modalidade de entrega em domicílio (delivery), até as 24h.

Já os estabelecimentos que funcionem como mercados devem comercializar apenas gêneros alimentícios, bebidas não alcoólicas e produtos de limpeza e higiene, sendo vedada a venda de bebidas alcoólicas. As farmácias podem comercializar somente medicamentos e produtos voltados à saúde.

A Secretaria da Segurança Pública (SSP), por meio das polícias Militar e Civil, apoiará as gestões municipais para garantir o cumprimento das medidas restritivas adotadas.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Região do Piemonte da Diamantina: A versatilidade do licuri produzido pela agricultura familiar baiana é um diferencial na produção de ovos de Páscoa

Segunda-feira, 29 de Março de 2021 / Bahia

Nesta Páscoa, além do já tradicional e delicioso chocolate, vem ganhando cada vez mais o gosto de baianos e de brasileiros de outros estados, como São Paulo, o nosso licuri, também conhecido como o coquinho do Sertão. O licuri, produzido pela Cooperativa de Produção da Região do Piemonte da Diamantina (Coopes), com sede em Capim Grosso, marca presença e faz a diferença na produção de ovos de Páscoa como o Triplo Coco, da Mestiço Chocolates, que foi classificado em 1º lugar no ranking de avaliação de 25 ovos de Páscoa, entre os crocantes, pelo caderno ‘Paladar’, do jornal Estado de São de Paulo.

O Triplo Coco, da Mestiço Chocolates, uma empresa paulista, liderada por Rogério Kamei, baiano natural de Itabuna, é produzido com chocolate do município de Itacaré e o licuri da Coopes, caramelizado com açúcar orgânico. O produto contém ainda leite de coco 100% puro e azeite de babaçu. O Triplo Coco teve estoque limitado e já foi totalmente vendido. A empresa estuda a possibilidade de transformar a receita em algo permanente, na produção de barras ou bombons.

“Foi inesperado e muito gratificante, pelo nosso trabalho. E quando falo nosso trabalho, falo do trabalho de toda a cadeia, por conseguir mostrar aos brasileiros que temos criatividade e qualidade para competir, sem perder em nada para qualquer outro do mundo. Só precisamos explorar mais os nossos próprios ingredientes. Agradeço e parabenizo o trabalho da Coopes. Ficamos felizes em ter esta opção de insumo, e por reforçar o trabalho deles. O produto da cooperativa é muito bom”, destacou Rogério Kamei.

O licuri também é um dos destaques na produção de ovos de Páscoa da Flor de Licuri (@flor_de_licuri), do município de Feira de Santana. A empreendedora Roselice da Silva, responsável pela produção, conta que o Ovos Trufados de Brigadeiro de Licuri e Prestígio de Licuri são resultado de parceria com a Coopes e com a Cooperativa da Agricultura Familiar e Economia Solidária da Bacia do Rio Salgado e Adjacências (Coopfesba), de Ibicaraí, que fornece o chocolate Bahia Cacau: “Nessa vibe, estamos juntando ingredientes e agregando, nesses sabores tão diversos, um pouco dos saberes que cada ponto dessa rede possui, para possibilitar a valorização das riquezas que da nossa terra, Bahia", ressalta Roselice.

A Flor de Licuri está produzindo também os Ovos Trufados de Capuccino da Tia Rege e o Casadinho de Capuccino, em parceria com a Cooperativa dos Cafeicultores de Barra do Choça e Região (Cooperbac). Os ovos de Páscoa estão disponíveis para a comercialização no site www.escoarbrasil.com.br, da Startup Escoaf, que realiza entregas em Salvador e Lauro de Freitas.

O licuri também incrementa a produção de ovos de Páscoa artesanais da Natucoa, produzidos pela  Cooperativa de Serviços Sustentáveis da Bahia (Coopessba), de Ilhéus. Os ovos estão disponíveis em embalagens de 320 a 330g, trufados. Além do licuri, são produzidos ovos com geleia de mel de cacau e com caramelo salgado, e ovos com 70% cacau especial, com bombons. Os produtos Natucoa  podem ser adquiridos nas lojas parceiras, na loja de fábrica, na sede da cooperativa, na rodovia Ilhéus-Itabuna, e por meio das redes sociais da cooperativa (@natucoa_chocolate). Outra opção é a compra virtual, pelo site www.coophub.com.br (@bahiacoophub), com entrega em Salvador e Região Metropolitana.

De acordo com Renata Silva, que atua na gestão da Coopes, é de grande relevância o licuri estar presente nessas épocas comemorativas, sendo uma oportunidade de mercado para a cooperativa, consolidação e reconhecimento nacional do sistema produtivo do licuri, além de possivelmente despertar o interesse em outras empresas: “Isso mostra o seu valor e a sua versatilidade, em diversos aspectos. Seja no uso cosmético, medicinal ou alimentício, o licuri está presente, com seu toque exótico e diferenciando, inovando qualquer receita".

Investimento do Estado em sistemas produtivos

A Coopes é uma das cooperativas apoiadas pelo Governo do Estado, via Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural (SDR), com recursos da ordem de R$3,9 milhões, aplicados em infraestrutura para armazenamento e equipamentos, implantação de uma unidade de beneficiamento, logística e assistência técnica e extensão rural (Ater), entre outras ações. Também recebem investimentos as cooperativas da agricultura familiar Coopfesba, Coopessba e Cooperbac, que alcançam a cada dia melhorias nos processos de gestão, no desenvolvimento de novos produtos, e no acesso a mercado, entre outros resultados.


Blogbraga/Assessoria de Comunicação SDR/CAR

Compartilhar no Whatsapp

Matrícula para alunos novos envolve 127 municípios de dez NTEs conforme calendário da SEC

Segunda-feira, 29 de Março de 2021 / Bahia

A matrícula da rede estadual de ensino para o ano letivo 2020/21, que prossegue até o dia 14 de abril, está ocorrendo por bloco de municípios e Núcleos Territoriais de Educação (NTE), conforme o calendário divulgado pela Secretaria da Educação do Estado (SEC). Nesta segunda-feira (29), começaram a ser matriculados os estudantes egressos de escolas municipais, federais e privadas. A ação envolve 127 municípios de dez Núcleos Territoriais de Educação (NTE). A matrícula para quem já é aluno da rede estadual foi renovada automaticamente. 

Os pais, responsáveis ou estudantes precisam consultar as datas, conforme o cronograma disponível no Portal da Educação (estudantes.educacao.ba.gov.br/matricula2021). A relação dos municípios correspondentes a cada NTE e os telefones das escolas também estão disponíveis no Portal da Educação. 

A matrícula pode ser feita pelo SAC Digital, no endereço eletrônico www.sacdigital.ba.gov.br/, ou pelo aplicativo SAC DIGITAL (disponível gratuitamente nos sistemas ANDROID e IOS). Para os estudantes ou pais sem acesso à internet, a matrícula pode ser realizada diretamente da escola, com horários agendados por telefone, adotando todos os protocolos sanitários, durante o atendimento. 

Em Jacobina, André Luiz Pereira já garantiu a matrícula da sua filha Ana Lais Lima, 14, que estudava no Colégio Municipal Gilberto Dias Miranda e  agora, fará o curso técnico em Administração, no Centro Territorial de Educação Profissional (CETEP) do Piemonte da Diamantina II. "Fiz o agendamento da matrícula por horário e fui bem recepcionado na portaria do CETEP. Ao entrar, mediram a minha temperatura, me deram álcool em gel para higienizar as mãos e aguardei a minha vez de ser atendido, mantendo o distanciamento e com máscara. É muito importante que as escolas tenham essa atenção com os alunos neste momento de pandemia, para que eles continuem com os estudos, mesmo que de forma remota", afirmou. 

Este segundo bloco, iniciado na sexta-feira (26) e que segue até o dia 31 de março, contempla os seguintes NTEs: Teixeira de Freitas (NTE 07); Amargosa (NTE 09); Juazeiro (NTE 10); Barreiras (NTE 11); Macaúbas (NTE 12); Caetité (NTE 13); Itaberaba (NTE 14); Ipirá (NTE 15); Jacobina (NTE 16); e Paulo Afonso (NTE 24). Dentre as cidades, destacam-se: Angical, Boquira, Lajedão, Mundo Novo, Serra Preta, Rodelas, Glória, Ubaíra, Wanderley, entre outras.

A matrícula de concluintes do 5º ano ou 9º ano do Ensino Fundamental regularmente matriculados na rede pública municipal de ensino, no ano letivo de 2020, cujas escolas não oferecem a série subsequente, será de 29 a 31 de março. Já para o ingresso do candidato em unidade escolar da rede estadual em qualquer ano/série para o Ensino Fundamental, a matrícula nova será no dia 31 e, para o Ensino Médio, nos dias 30 e 31.

Como faz a matrícula on-line

Para fazer a matrícula on-line, o estudante deve fazer o cadastro no SAC Digital. Basta acessar o endereço www.sacdigital.ba.gov.br na internet e clicar na opção “Cadastre-se”. Caso prefira, o estudante pode fazer seu cadastro no aplicativo SAC Digital. O app está disponível para celulares Android e iOS. Se o aluno novo for menor de 16 anos, o cadastro deverá ser feito em nome dos pais ou do responsável. 

Na internet ou no app, será necessário preencher e fornecer dados pessoais, como nome completo, CPF, data de nascimento, e-mail e telefones para contato, entre outros, clicando em “Avançar”. Nas páginas seguintes, serão preenchidas informações sobre endereço do estudante e senha para acesso à plataforma. Todos os dados fornecidos serão confirmados na quarta e última páginas. 

Uma mensagem será enviada para o e-mail cadastrado no SAC Digital para a ativação da conta. Com isso, o estudante poderá acessar a plataforma em “Entrar”, fornecendo senha e login, e buscar o serviço “Solicitar matrícula para aluno novo”.

Para a comprovação da matrícula, os alunos novos precisarão apresentar, em data a ser agendada com a escola, os seguintes documentos: original do Histórico Escolar; original e cópia da Cédula de Identidade ou Certidão de Registro Civil; original e cópia do CPF; original e cópia legível com data recente do comprovante de residência (água, luz, telefone fixo ou móvel, gás encanado, Internet, contrato de aluguel, IPTU, cartão de crédito ou TV por assinatura); original e cópia da carteira de vacinação; cópia da Cédula de Identidade da mãe do aluno; e cópia do CPF da mãe do aluno.


Blogbraga/Assessoria de Comunicação Secretaria da Educação do Estado da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Coronavírus - MP solicita a órgãos adoção de medidas adicionais para contenção da pandemia na Bahia

Segunda-feira, 29 de Março de 2021 / Bahia

O Ministério Público estadual, por meio do Grupo de Trabalho para acompanhamento das ações de enfrentamento do coronavírus (GT Coronavírus), emitiu, ao longo do mês de março, 11 ofícios solicitando ao Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público do Trabalho (MPT), Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) e aos promotores de Justiça com atribuição para atuação na defesa da saúde a adoção de medidas para contenção da pandemia na Bahia. Falta de oxigênio, situação de abastecimento do ‘Kit Intubação’ nas unidades de saúde, disponibilidade de leitos nas unidades militares de saúde do estado baiano, medidas restritivas e processos de contratação para gestão de hospitais estão entre os assuntos abordados nos documentos elaborados pelo GT. 

À Sesab, por exemplo, o MP questionou se as providências adotadas pelos respectivos decretos são técnica e cientificamente suficientes para o enfrentamento à pandemia da Covid-19 no momento epidemiológico atual. A instituição também solicitou que a Secretaria de Saúde forneça os fundamentos técnico-científicos que serviram de base para adoção da medida restritiva de venda de determinados produtos nos estabelecimentos que funcionam como supermercados, hipermercados e atacadões em municípios da Região Metropolitana de Salvador e da macrorregião de saúde Norte; informações sobre o estoque disponível dos insumos necessários à intubação dos pacientes acometidos pelo vírus; informações sobre eventuais providências para evitar o desabastecimento de oxigênio nas unidades de saúde localizadas no interior do estado, incluindo as de gestão municipal, e encaminhamento de cópia dos processos de contratação para gestão dos Hospitais de Campanha da Arena Fonte Nova, Hospital Riverside e Hospital Metropolitano. 

Nos ofícios enviados ao MPF e MPT, a instituição alerta sobre notícias de municípios do interior baiano que já vem sofrendo com o baixo estoque de oxigênio para tratar pacientes com Covid-19. O MP solicita o apoio dos órgãos para construir possíveis soluções por meio do diálogo com a esfera federal e com entidades representativas, a fim de conter a crise no estado. 

Em especial, ao MPF, o MP enviou um ofício atentando sobre a disponibilidade de leitos nas unidades militares de saúde do Estado da Bahia. No documento, o MP informa que o Tribunal de Contas da União (TCU) determinou ao Ministério da Defesa e aos Comandos da Marinha, do Exército e da Aeronáutica a adoção de medidas para a disponibilização diária de dados das instituições de saúde ao Ministério da Saúde e às secretarias de saúde dos estados da federação. Na determinação, o TCU pede que sejam informados o quantitativo total e taxa de ocupação dos leitos clínicos e de UTI,  de atendimento geral e da Covid-19. 

O GT também pede aos promotores de Justiça que requeiram das prefeituras informações relativas às usinas de oxigênio, bem como o estoque, fluxo de abastecimento e consumo diário de oxigênio nas redes de saúde.


Blogbraga/Cecom/MP

Compartilhar no Whatsapp

Polícia Militar da Bahia esclarece sobre a contenção de policial em Salvador que acabou morrendo

Segunda-feira, 29 de Março de 2021 / Bahia

 Coronel Paulo Coutinho

Fotos: Mateus Pereira/GOVBA

O comandante-geral da Polícia Militar da Bahia, coronel Paulo Coutinho, recebeu a imprensa, na manhã desta segunda-feira (29), na sede da Secretaria da Segurança Pública (SSP), para prestar esclarecimentos sobre a ação da PM na contenção do policial Wesley Soares.

No domingo (28), Wesley dirigiu-se ao Farol da Barra, em Salvador, aparentando um quadro de surto psicótico e, por volta das 14h, começou a atirar com um fuzil, primeiramente para o alto e, no final da tarde, contra a própria tropa da Polícia Militar presente no local, colocando em risco também a vida dos moradores da região. Ele foi neutralizado e encaminhado para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde acabou morrendo no final da noite.  

Segundo o coronel Coutinho, foram utilizados recursos de uso progressivo da força, no momento da atuação. “A situação não permitia, inclusive pela distância, a utilização de uma pistola de condicionamento. A tropa estava sendo atacada com uma arma de guerra, um fuzil. Efetivamente, é um potencial de letalidade grande. As ações foram desencadeadas com o objetivo de retirá-lo do enfrentamento”. O coronel informou também que a PM possui equipe de psicólogos para atender a tropa. “Temos uma equipe de psicólogos e fomos reforçados, recentemente, com 20 psicólogos clínicos para atendimento de policiais militares em todo o estado”.

O coronel Coutinho destacou ainda que a instituição está prestando todo o apoio à família de Wesley. “Um policial militar que não apresentava  problemas de comportamento, não deu sinais em qualquer momento de distúrbios, trabalhava em Itacaré, assumiu o serviço ontem [domingo, dia 28] pela manhã em Itacaré e dirigiu-se ao Farol da Barra, armado, pra fazer aquela situação que nós nos envolvemos como ocorrência crítica, no veículo dele próprio. Trouxemos, inclusive, uma irmã dele, no helicóptero da corporação, em uma tentativa de negociação para encerrar aquela situação”, revelou o comandante-geral.

Policial  - Wesley Soares


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Bahia registra 2.956 novos casos de Covid-19 e mais 74 óbitos pela doença

Segunda-feira, 29 de Março de 2021 / Bahia

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 2.956 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,4%) e 2.993 recuperados (+0,4%). O boletim epidemiológico deste domingo (28) também registra 74 mortes. Apesar de terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro das mortes foram realizadas hoje. Dos 794.437 casos confirmados desde o início da pandemia, 763.504 já são considerados recuperados, 15.973 encontram-se ativos e 14.960 tiveram óbito confirmado.

boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.116.464 casos descartados e 182.310 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste domingo. Na Bahia, 45.299 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completoclique aqui ou acesse o Business Intelligence.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 14.960, representando uma letalidade de 1,88%. Dentre os óbitos, 55,76% ocorreram no sexo masculino e 44,24% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,87% corresponderam a parda, seguidos por branca com 21,38%, preta com 15,20%, amarela com 0,50%, indígena com 0,13% e não há informação em 7,91% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 67,98%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (74,00%).

A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

Situação da regulação de Covid-19

Às 15h deste domingo, 201 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 122 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

Vacinação

Com 1.372.529 vacinados contra o coronavírus (Covid-19), dos quais 307.581 receberam também a segunda dose, até as 15 horas deste domingo, a Bahia é um dos estados do país com o maior número de imunizados. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/.

Tem se observado volume excedente de doses nos frascos das vacinas contra a Covid-19, o que possibilita a utilização de 11 e até 12 doses em apenas um frasco, assim como acontece com outras vacinas multidoses. O Ministério da Saúde emitiu uma nota que autoriza a utilização do volume excedente, desde que seja possível aspirar uma dose completa de 0,5 ml de um único frasco-ampola. Desta forma, poderá ser observado que alguns municípios possuem taxa de vacinação superior a 100%.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: Frente Parlamentar apresenta a João Leão medidas emergenciais e prioritárias para socorrer setor de bares e restaurantes, hotelaria e eventos

Segunda-feira, 29 de Março de 2021 / Bahia

O presidente da Frente Parlamentar do Setor Produtivo, deputado estadual Eduardo Salles, representando o vice-presidente, deputado Tiago Correia, e os demais membros, e o presidente-executivo da ABRASEL (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), Luiz Henrique Amaral, entregaram nesta sexta-feira (26) ao vice-governador e secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, João Leão, documento com reivindicações prioritárias do setor de bares e restaurantes, anexado aos dos segmentos da hotelaria e de eventos, ajustados pelas respectivas instituições representativas desses segmentos.

Os documentos foram elaborados a pedido do vice-governador, que solicitou uma pauta com itens prioritários dos setores após participar de reuniões anteriores com Eduardo Salles, Tiago Correia e membros das entidades ligadas às áreas de bares e restaurantes, hotelaria, turismo e eventos.

Os três documentos têm como item comum a suspensão do corte de fornecimento de água e energia elétrica das contas em débito e seu parcelamento; a criação de linhas de crédito específicas para capital de giro com taxas de juros subsidiados no DESENBAHIA com pagamento em 60 meses com carência de 12 meses; REFIS e redução da alíquota de ICMS.

João Leão, por videoconferência, explicou ao secretário estadual em exercício da Casa Civil, Carlos Mello, as prioridades apresentadas. Eduardo Salles entregou com o chefe de gabinete da SDE, Luiz Gujé, presencialmente com as medidas na Casa Civil. O próximo passo é pautar as solicitações com o governador Rui Costa.

“Precisamos oferecer neste momento ajuda aos setores de bares e restaurantes, hotelaria e eventos que foram impactados diretamente pelas medidas restritivas, além de trabalhar por ações que garantam os milhares de empregos e sobrevivência desses negócios”, pontuou Eduardo Salles.

"Saímos satisfeitos da reunião e esperançosos para que o retorno positivo chegue até o início da próxima semana. Precisamos reverter a situação imediatamente para dar fôlego ao setor", disse Luiz Henrique do Amaral.

Ceará, Piauí, Pernambuco e outros estados já adotaram medidas semelhantes para ajudar os setores ligados ao turismo.

“Reconheço todas as dificuldades do governo estadual em função da pandemia. Sei que não tem sido fácil para o governador Rui Costa combater a pandemia e manter o equilíbrio fiscal. Mas não dá mais para esperar. Precisamos apresentar o mais rápido possível uma solução porque esses setores são responsáveis por milhares de empregos no Estado”, concluiu Eduardo Salles.

HOTELARIA E EVENTOS

Em audiências anteriores de Eduardo Salles e Tiago Correia, a diretoria da ABIH (Associação Baiana da Indústria de Hotéis) e João Leão, foi apresentada a necessidade da criação do subsegmento “Indústria Hoteleira da Bahia” na Tabela Tarifária da BAHIAGÁS, para diminuir a taxa do insumo, fundamental para o setor.  

O presidente do Salvador Destination e vice-presidente do Conselho Baiano de Turismo, Roberto Duran, disse que “o cenário é caótico neste mais de um ano paralisado”. De acordo com o executivo, a cadeia do turismo engloba hoje 52 seguimentos que representam 20% da mão de obra formal da Bahia e 7,5% do PIB estadual. Em Salvador o setor tem 20% da força de trabalho e 25% do PIB do município.

A movimentação das entidades e da Frente Parlamentar foi fundamental para a BAHIATURSA iniciar o cadastramento, que segue até 29 de março, no site do órgão, de profissionais para em breve apresentar propostas de auxílios aos trabalhadores da área.


Blogbraga/ASCOM – Deputado Estadual Eduardo Salles

Compartilhar no Whatsapp

Governo do Estado e prefeituras da capital e RMS prorrogam restrições até 5 de abril

Segunda-feira, 29 de Março de 2021 / Bahia

O decreto que determina a prorrogação de medidas mais restritivas para a capital baiana e alguns municípios inseridos na Região Metropolitana de Salvador (RMS) está publicado na edição online do Diário Oficial do Estado (DOE) na noite deste domingo (28). Com a medida, apenas o funcionamento das atividades consideradas essenciais continuará permitido até as 5h de 05 de abril.

Itaparica, Vera Cruz, Madre de Deus, Pojuca e Mata de São João não aderiram à prorrogação do decreto e os serviços não-essenciais poderão funcionar até as 17h durante a semana. Entre os dias 29 de março a 1º de abril, após as 17h, será permitido somente o funcionamento dos serviços essenciais nesses municípios.

Em Salvador, Camaçari, Candeias, Dias D’Ávila, Lauro de Freitas, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé e Simões Filho, somente as atividades relacionadas à saúde e ao enfrentamento da pandemia, à comercialização de gêneros alimentícios e feiras livres, à segurança e a atividades de urgência e emergência poderão ser realizadas.

Supermercados, hipermercados e atacadões poderão comercializar apenas gêneros alimentícios e produtos de limpeza e higiene. Já as farmácias somente poderão comercializar medicamentos e produtos voltados à saúde. A medida vale até as 5h do dia 05 de abril para os seguintes municípios: Salvador, Camaçari, Candeias, Dias D’Ávila, Lauro de Freitas, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé, Simões Filho, Itaparica, Vera Cruz, Madre de Deus, Pojuca e Mata de São João.

Os estabelecimentos que funcionem como supermercados, hipermercados e atacadões deverão isolar seções, corredores e prateleiras nos quais estejam expostos os produtos não enquadrados como gêneros alimentícios ou produtos de limpeza e higiene. A medida tem validade até as 05h do dia 05 de março.

Os estabelecimentos comerciais que funcionam como bares e restaurantes poderão operar apenas de portas fechadas, na modalidade de entrega em domicílio, até as 24h. A medida vale para Salvador, Camaçari, Candeias, Dias D’Ávila, Lauro de Freitas, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé e Simões Filho

Em Itaparica, Vera Cruz, Madre de Deus, Pojuca e Mata de São João, os bares e restaurantes deverão encerrar o atendimento presencial até as 17h.

A circulação dos meios de transporte metropolitanos será suspensa das 20h as 5h até o dia 05 de abril.

Medidas válidas para toda a Bahia

Com exceção de deslocamentos por motivos de saúde ou em situações em que fique comprovada a urgência, segue proibida a circulação de pessoas entre 18h e 5h, até o dia 5 de abril, em todos os 417 municípios baianos.

O funcionamento dos serviços não essenciais está proibido em toda a Bahia entre as 18h de 29 de março até 5h do dia 5 de abril.

A restrição da venda de bebidas alcoólicas seguirá valendo, em todo o estado, a partir das 18h de 1º de abril até 5h de 5 de abril, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery).

Também segue vedada em todo o estado a prática de atividades esportivas coletivas amadoras até 5 de abril, sendo permitidas as práticas individuais, desde que não gerem aglomeração. O funcionamento de academias e estabelecimentos voltados para a prática de atividades físicas está proibido até 5 de abril.

Os atos religiosos litúrgicos podem ocorrer na Bahia, respeitados os protocolos sanitários estabelecidos, especialmente o distanciamento social adequado e o uso de máscaras, bem como com capacidade máxima de lotação de 30%, desde que o espaço seja amplo e tenha ventilação cruzada.

Ficam vedados, até 5 de abril, também em todo o estado, os procedimentos cirúrgicos eletivos não urgentes ou emergenciais nas unidades hospitalares públicas e privadas.

Segue proibida ainda, até 5 de abril, a realização de eventos e atividades que envolvam aglomeração de pessoas, independentemente do número de participantes, como cerimônias de casamento, solenidades de formatura, feiras, circos, passeatas, eventos desportivos, científicos e religiosos, bem como aulas em academias de dança e ginástica.

Para ler o decreto, na íntegra, clique aqui.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

CHAPADA DIAMANTINA: Governo finaliza projeto de 1,5 milhão na restauração de áreas da Bacia do Rio Utinga

Sábado, 27 de Março de 2021 / Bahia

O Governo do Estado finalizou a execução do Projeto de Revitalização da Microbacia do Rio Utinga e APA Marimbus/Iraquara, na Chapada Diamantina, com o plantio de 60.340 mudas de espécies de uso frutífero, medicinal, melífero e ecológico, em uma Área de Preservação Permamente (APP) de 110 hectares, que poderá ser utilizada como campo experimental para futuras pesquisas em recuperação de áreas degradadas. A restauração foi feita pelo modelo de sistemas agroflorestais (SAF), utilizando espécies nativas e espécies que permitem o aproveitamento econômico. Para marcar o encerramento do projeto, foi realizada uma reunião on-line na manhã desta quinta-feira (25). 

Com um investimento de aproximadamente R$ 1,5 milhão, foram beneficiadas 19 comunidades nos municípios de Bonito, Wagner, Utinga, Lajedinho, Rui Barbosa, Lençóis, Iraquara, Andaraí e Nova Redenção, formadas por pequenas propriedades da agricultura familiar, assentamentos de reforma agrária, comunidades indígenas e quilombolas. Ao todo, além do plantio das mudas, o projeto abarcou ainda quatro nascentes protegidas e reflorestadas, implantou dois viveiros de produção de mudas florestais com capacidade de 50 mil mudas por ano, mais de 100 pessoas capacitadas; e cercamento de 11 km para proteção da área recuperada.

Participaram da reunião o secretário do Meio Ambiente, João Carlos Oliveira; o chefe de gabinete do Inema, Welton Rocha, representando a diretora Geral do órgão, Márcia Teles; os deputados estaduais Ângelo Almeida e Jacó Lula da Silva; o engenheiro agrônomo, Murilo Figueiredo, da Agrotopo Engenharia – empresa licenciada para execução do projeto; Gileno Menezes, diretor do Colégio Estadual de Educação Profissional – CETEP; e lideranças locais representantes das comunidades beneficiadas. 

Para o secretário do Meio Ambiente, ao executar este projeto, o Governo cumpre o compromisso assumido com lideranças locais em um dos momentos mais críticos da crise hídrica na região. “Este projeto foi resultado das reivindicações de assentamentos do Movimento dos Sem Terra (MST), Movimento Associativista Indígena Payaya (MAIP), prefeituras, sindicatos e instituições ligadas ao meio ambiente da Chapada Diamantina. Fica um legado para as 19 comunidades rurais beneficiadas ao longo da microbacia do rio Utinga e da APA Marimbus-Iraquara. E não podemos falar em encerramento, pois esse é o primeiro passo para a recuperação dessa área degradada”, destacou João Carlos, acrescentando que a partir deste projeto, amplia-se a possibilidade de apoio e parceria para continuidade e multiplicação da ação.

O chefe de gabinete do Inema, Welton Rocha, ressaltou a importância desse projeto como um piloto, que possa ser ampliado para outras áreas. “Sabemos que para a real necessidade que se apresenta, essa área é relativamente pequena, entretanto, o sucesso do modelo implementado pelo Inema serve como referência para que possa ser aplicado em outras áreas e regiões. O Inema continuará à disposição de toda comunidade e lideranças que participaram, dando continuidade a esse projeto com o manejo das mudas”, afirmou Welton.

O engenheiro agrônomo da empresa Agrotopo, Murilo Figueiredo, ressaltou a riqueza e desafio da implantação desse projeto tendo em vista a relação com as comunidades, de maneira que elas incorporassem um papel protagonista para sua execução. “Conseguimos alcançar as metas do projeto, e seu legado ficará para as comunidades que já cuidam dessas áreas. Hoje, essas famílias agrícolas já começam a se organizar no sentido de formarem cooperativas de beneficiamentos de frutas, a partir da produção dessas mudas. E essa é a intencionalidade, preservar as matas ciliares e nascentes, e ter a possibilidade de geração de renda extra para essas famílias que enfrentam muitas dificuldades de vivência nessa região”, afirmou Murilo.

“O resultado desse projeto nós veremos a médio e longo prazos. O primeiro passo foi dado e cabe agora às organizações e associações cuidar dessas áreas e ampliá-las a partir da experiência já implantada. Sou testemunha que o trabalho gerou resultados, e é de fundamental importância não só para a comunidade como também para a capital, pois a Chapada é a caixa d´água da Bahia. Somos muito gratos por esse presente e esse trabalho aqui na região”, avaliou o diretor do Cetep, Gileno Menezes.

O projeto de Revitalização da Microbacia do Rio Utinga e APA Marimbus/Iraquara foi executado pelo INEMA, com apoio da SEMA, e recursos de conversão de multas ambientais.


Blogbraga/SEMA - Secretaria do Meio Ambiente

Compartilhar no Whatsapp

Bahia tem novo recorde de óbitos por Covid-19 registrados em 24 horas

Sábado, 27 de Março de 2021 / Bahia

Nesta sexta-feira (26) foram registrados 155 óbitos por Covid-19, o maior número desde o início da pandemia em um boletim epidemiológico sobre a doença. Anteriormente este recorde havia sido no dia 18 de março, quando houve registro de 153 mortes. Apesar de os óbitos terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro foram contabilizados hoje.

A existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 14.786, representando uma letalidade de 1,88%. Dentre os óbitos, 55,79% ocorreram no sexo masculino e 44,21% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,94% corresponderam a parda, seguidos por branca com 21,32%, preta com 15,17%, amarela com 0,51%, indígena com 0,14% e não há informação em 7,92% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 68,08%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (74,02%).

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 4.738 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,6%) e 3.915 recuperados (+0,5%). Dos 788.296 casos confirmados desde o início da pandemia, 756.849 já são considerados recuperados, 16.661 encontram-se ativos e 14.786 tiveram óbito confirmado.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.110.233 casos descartados e 183.775 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta sexta-feira. Na Bahia, 45.186 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completoclique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Situação da regulação de Covid-19

Às 15h desta sexta-feira, 207 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 119 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

Vacinação

Com 1.274.283 vacinados contra o coronavírus (Covid-19), dos quais 305.920 receberam também a segunda dose, até as 15 horas desta sexta-feira, a Bahia é um dos estados do País com o maior número de imunizados. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/.

Tem se observado volume excedente de doses nos frascos das vacinas contra a Covid-19, o que possibilita a utilização de 11 e até 12 doses em apenas um frasco, assim como acontece com outras vacinas multidoses. O Ministério da Saúde emitiu uma nota que autoriza a utilização do volume excedente, desde que seja possível aspirar uma dose completa de 0,5 ml de um único frasco-ampola. Desta forma, poderá ser observado que alguns municípios possuem taxa de vacinação superior a 100%.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA; Proibição da venda de bebida alcoólica na região de Brumado é prorrogada para 5 de abril

Sábado, 27 de Março de 2021 / Bahia

Imagem ilustrativa: Redes sociais

O novo decreto do Governo do Estado que será publicado no Diário Oficial deste sábado (27) irá prorrogar a restrição da comercialização de bebidas alcoólicas na região de Brumado, no sudoeste baiano. A medida, que estava em vigor até esta sexta-feira (26), agora terá validade até as 5h de 5 de abril.

Está vedada a venda de bebida alcoólica em quaisquer estabelecimentos, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery). A ação visa conter aglomerações e o avanço da pandemia do coronavírus. Os estabelecimentos comerciais deverão isolar seções, corredores e prateleiras nos quais estejam expostas bebidas alcoólicas.

A região de Brumado inclui os seguintes municípios: Aracatu, Barra da Estiva, Boquira, Botuporã, Brumado, Caturama, Contendas do Sincorá, Dom Basílio, Érico Cardoso, Guajeru, Ibicoara, Ibipitanga, Ituaçu, Jussiape, Livramento de Nossa Senhora, Macaúbas, Malhada de Pedras, Paramirim, Rio de Contas, Rio do Pires e Tanhaçu.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Bahia recebe mais 347 mil doses de vacinas contra a Covid-19

Sexta-feira, 26 de Março de 2021 / Bahia

Mais 347 mil doses de vacinas contra a Covid-19 já estão em solo baiano.  As novas doses dos imunizantes chegaram em voo comercial que pousou no Aeroporto Internacional de Salvador, na manhã desta sexta-feira (26). Nesta remessa foram enviadas 141 mil doses da vacina da AstraZeneca, produzidas pela Fiocruz, e mais 206 mil doses da Coronavac, produzida pela Instituto Butantan. Com o novo lote, a Bahia totaliza 2.386.600 doses de vacinas recebidas desde o dia 18 de janeiro, data de chegada da primeira remessa.

Após a conferência da carga recebida, o novo lote de vacinas deve começar a ser distribuído, no início da tarde, para as 30 centrais regionais da Bahia e, de lá, despachadas para os municípios. O transporte das doses de Salvador para o interior do estado será feito em aeronaves do Grupamento Aéreo (Graer) da Polícia Militar e da Casa Militar do Governador (CMG).

Com 1.213.020 vacinados contra a Covid-19, dos quais 303.015 receberam também a segunda dose, até às 15h de quinta-feira (25), a Bahia é o quarto estado do país com o maior número de imunizados.

A estimativa da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) é de que mais de 280 municípios baianos recebam doses desta nova remessa dos imunizantes. De acordo com a coordenadora de imunização da Sesab, Vânia Vanden Broucke, as doses que chegaram nesta sexta-feira serão enviadas, exclusivamente, aos municípios que aplicaram 85% ou mais das doses anteriores. "Na região metropolitana, todos os municípios já estão habilitados nesta condição e receberão os imunizantes de forma imediata ainda nesta sexta-feira", afirmou.

Com o avanço da vacinação, ficou aprovado em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), instância deliberativa da saúde que reúne gestores de saúde dos 417 municípios e do Estado, a recomendação para vacinação de idosos com 60 anos ou mais de forma escalonada. A resolução foi publicada em edição do Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (26).

Esta nova remessa dará possibilidade de que continue sendo imunizado o público alvo da primeira fase do plano de vacinação contra a Covid-19. Em reunião da CIB, ficou definido que a população quilombola e pessoas com doença renal crônica em tratamento de hemodiálise poderão ser vacinadas.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp
TOP Qualidade 2020
Rádio Cidade FM 95,9
Facebook
Tempo
Moeda
Conversor de Moeda
Cotação

Cotações de Commodities fornecidas por Investing.com Brasil.
Contabilidade Rio Grande - Parceira dessa Causa
PARCEIROS
JBJ Oeste Beton Imperial Contabilidade Rondon Sportime ORIX Luz motos Global Ofertas - Hiper Santo Antonio Casa da Ferramenta Dupará Açaí Grupo Marabá CISO DBT Casa do Marceneiro AFS Dique Denuncia Online Jaú PM DPVAT Neli P&F Vida Farma ASMAT Paraíba Rivaldo Sutrans Extreme Delicia Guarda Municipal G7 NET LH Madeiras Minas Aço SBS