Governo da Bahia

NOTÍCIAS

Lei aumenta pena para motorista embriagado que gerar vítimas com lesões graves, gravíssimas ou morte

Sexta-feira, 20 de Abril de 2018 / Brasil

Em 19 de dezembro de 2017 foi criada a Lei nº 13.546, que entrou em vigor ontem (19). A lei aumenta as penas para os condutores flagrados dirigindo sob efeito de álcool, ou qualquer outra substância entorpecente, e que tenham sido considerados culpados em acidentes que tenham gerado vítimas com lesões graves, gravíssimas ou fatais.

Para o condutor culpado, que tenha gerado vítima com lesão grave ou gravíssima, a pena é de 2 a 5 anos de reclusão. 

Para o condutor culpado, que tenha gerado vítima morta (homicídio), a pena é de 5 a 8 anos de reclusão.

Fiança – Caberá apenas a um juiz arbitrar fiança nesses casos. Segundo o Artigo 322 do Código de Processo Penal Brasileiro, a autoridade policial (delegado) somente poderá conceder fiança nos casos de infração cuja pena privativa de liberdade máxima não seja superior a 4 (quatro) anos, isto é, nos casos de detenção ou prisões simples. Com a nova lei as penas máximas são superiores a 4 anos.


Blogbraga/PRF

Compartilhar no Whatsapp
TOP Qualidade 2019
Rádio Cidade FM 95,9
Facebook
Tempo
Moeda
Conversor de Moeda
Cotação

Cotações de Commodities fornecidas por Investing.com Brasil.
PARCEIROS
Mimoaço Vida Farma DBT Kenni Henke Evolucao Mimoso Segurança DM Reparos Sportime DPVAT Barreiras AUTOCAR CISO Silvano Santos Contabilidade Rondon Rabelo Imperial Mineiros Neli Dr. Márcio Rogério Oeste Manutenção Extreme G7 Polícia Civil Grupo Marabá Paraíba Sutrans Forte Grãos Bem Brasil Pastel Click Tec Global Dique Denuncia Elo Aço Delicia Luz motos PM Dupará Açaí MaxCar Coyote Fontana Guarda Municipal Casa da Ferramenta Ademilar P&F Jaú Unopar