Governo da Bahia

NOTÍCIAS

Safra de algodão no Oeste baiano é celebrada durante Jantar da Colheita

Terça-feira, 13 de Agosto de 2019 / Região

Pelo terceiro ano consecutivo a Bahia garantirá bons números na safra de algodão, cultura que cobre mais de 330 mil hectares dos solos do Oeste e coloca o Estado como o segundo maior produtor brasileiro, responsável por 25% da produção nacional. Para celebrar os resultados, a Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) reuniu os produtores associados, agricultores e convidados na última sexta-feira (9) para mais uma edição do Jantar da Colheita, realizado do espaço Lè Revê, em Barreiras, no Oeste da Bahia.

O presidente da associação, Júlio Cézar Busato, recepcionou os convidados juntamente com o vice-presidente Luiz Carlos Bergamaschi e a diretora Alessandra Zanotto, responsável pela organização geral do Jantar, cuja decoração foi toda em alusão à pluma que vem apoiando no desenvolvimento socioeconômico do Oeste da Bahia. Para Busato, o encontro é momento de reverenciar aos agricultores, principalmente. “Hoje o dia é de celebrar. Esse evento é uma homenagem aos nossos associados que com esforço, dedicação, uso de tecnologia e boas práticas ambientais vem fazendo da agricultura brasileira um modelo para o mundo. Possuímos a maior produtividade de algodão não irrigado do mundo, tudo isso foi possível graças a investimentos incansáveis e a dedicação de todos”, destacou Busato.

Além de destacar o cuidado e carinho da Abapa ao organizar o evento, Alessandra Zanotto aproveitou a ocasião para fazer um convite aos presentes. “No próximo dia 14 de setembro vamos realizar mais uma edição da Corrida do Algodão, vocês são nossos convidados especiais”. Ela destacou a campanha ‘Tênis Solidário’, que dá 50% de desconto aos atletas que doarem um par de tênis em bom estado no ato das inscrições. “É mais uma ação positiva que a Abapa abraça visando o bem estar e a inclusão social”, destacou.

Sob a animação da Banda The Voice, de Goiânia os presentes festejaram mais uma boa colheita em andamento da região e que deve chegar a mais de 1 milhão e 300 mil toneladas de pluma e caroço. A previsão é que a safra alcance um crescimento de 15% na produção em relação à safra passada, baseado no incremento de 25,5% de área cultivada. Levaram o abraço aos produtores, os deputados estaduais Jusmari Oliveira e Eduardo Salles e os prefeitos de Barreiras, Zito Barbosa; de Luís Eduardo Magalhães, Oziel Oliveira e; Baianópolis, Jandira Xavier.

Criada em 2001, com o objetivo de promover o desenvolvimento da cotonicultura baiana, a Abapa vem trabalhando em ações para apoiar os agricultores na prevenção e combate a pragas, qualificação dos profissionais ligados ao setor agrícola, recuperação de estradas e promoção do algodão baiano nos mercados nacional e internacional. Cerca de 40% do algodão baiano é exportado para países asiáticos, como Indonésia, Bangladesh e Vietnã, e 60% é comercializado para as indústrias têxtis no Brasil.


Blogbraga/Assessoria de Imprensa da Abapa

Compartilhar no Whatsapp
TOP Qualidade 2019
Rádio Cidade FM 95,9
Facebook
Tempo
Moeda
Conversor de Moeda
Cotação

Cotações de Commodities fornecidas por Investing.com Brasil.
PARCEIROS
Dique Denuncia Silvano Santos Polícia Civil Bem Brasil Pastel Oeste Manutenção Fontana Elo Aço Mimoaço Evolucao Paraíba Jaú Delicia CISO MaxCar Rabelo Sportime PM Fashion Work Dr. Márcio Rogério Vida Farma Guarda Municipal Mineiros DM Reparos Unopar Kenni Henke Click Tec DPVAT Barreiras Extreme DBT Neli Imperial Casa da Ferramenta G7 Forte Grãos Dupará Açaí Grupo Marabá Coyote P&F Sutrans Contabilidade Rondon Global Luz motos Epis BA