SECOM SECOM 2

NOTÍCIAS

Sinjorba repudia detenção de jornalistas em exercício profissional e exige retratação por parte do Estado

Sexta-feira, 14 de Fevereiro de 2020 / Bahia

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado da Bahia (Sinjorba) manifesta veemente repúdio pela prisão, nesta sexta (14), de dois jornalistas que apuravam as circunstâncias da morte do ex-capitão Adriano da Nóbrega, acusado de ser chefe da Milícia Escritório do Crime, após “confronto” com a Polícia Militar da Bahia, em Esplanada (BA), domingo passado. 

Os dois jornalistas da revista Veja, Hugo Marques e Cristiano Mariz, estavam em pleno e livre exercício profissional e se identificaram quando abordados pela viatura da PM-BA. Mesmo assim, foram conduzidos a uma delegacia e tiveram o gravador de trabalho inspecionado, antes de sua devolução, em claro sinal de intimidação a consecução de suas tarefas.  

A Constituição do Brasil garante a liberdade no trabalho da imprensa, preceito magno que vem sendo atropelado pelas autoridades de Segurança Pública. Vivemos um quadro de clara intimidação a quem tenta cumprir o papel social do jornalismo: informar os fatos, de forma transparente e responsável, aos cidadãos brasileiros. 
Uma morte cujas circunstâncias e motivações são cercadas de dúvidas impõe que o trabalho da imprensa seja livre de sanções, para um melhor acompanhamento das investigações e divulgação dos fatos. O ocorrido com os dois jornalistas da Veja só ajuda a alimentar as suspeitas de que há mais a se informar do que foi até agora revelado.  

O Sinjorba exige do Governo do Estado uma retratação e, sobretudo, uma mudança de postura dos agentes policiais para que cessem os abusos contra o trabalho da imprensa na Bahia.


Blogbraga/Sinjorba

Compartilhar no Whatsapp
TOP Qualidade 2019
Rádio Cidade FM 95,9
Facebook
Tempo
Moeda
Conversor de Moeda
Cotação

Cotações de Commodities fornecidas por Investing.com Brasil.
PARCEIROS
Extreme Dique Denuncia Unopar Ofertas - Hiper Santo Antonio Vida Farma AFS CMO Elo Aço Online Celulares Imperial Grupo Marabá LH Madeiras ORIX G7 NET Casa da Ferramenta Paraíba Dupará Açaí Luz motos Real Global ASMAT Sportime Bem Brasil Pastel Evolucao DPVAT Barreiras Guarda Municipal Oeste Manutenção Mineiros Delicia CISO Sutrans Neli DBT Oeste Beton Contabilidade Rondon PM Polícia Civil Jaú P&F Minas Aço