Governo

Sicredi
NOTÍCIAS

BAHIA: ASSEMBLEIA SUSPENDE ATIVIDADES PRESENCIAIS POR DEZ DIAS A PARTIR DESTA SEXTA (21)

Sexta-feira, 21 de Janeiro de 2022 / Bahia

Para o presidente da ALBA, evitar a disseminação da cepa ômicron, que é extremamente contagiosa, exige atitudes mais duras - Foto:  AscomALBA/AgênciaALBA

A Assembleia Legislativa suspenderá todas as atividades presenciais por dez dias a partir desta sexta-feira (21). O recrudescimento das infecções de Covid-19 entre parlamentares e funcionários acendeu a luz amarela e o presidente Adolfo Menezes optou pelo isolamento social como mecanismo para proteger deputados e servidores durante esse período crítico, quando as ocupações de UTIs e de leitos clínicos já ultrapassam a marca dos 70% na Bahia.

Para o presidente da ALBA, evitar a disseminação da cepa ômicron, que é extremamente contagiosa, exige atitudes mais duras de todos os gestores e essa suspensão de dez dias contribuirá para isso, cortando o acesso de pessoas contaminadas às dependências da Assembleia, além de permitir aos colaboradores eventualmente infectados pela Covid-19 que cumpram seus períodos de quarentena e tratamento com tranquilidade – antes do recomeço do ano Legislativo.

O mesmo protocolo de restrições adotado quando do início da pandemia em março de 2020 será empregado, com ênfase no trabalho remoto. Como o Legislativo está em recesso, o primeiro depois de dois anos de luta contra o Covid-19, não será necessária a realização de sessões plenárias ou de comissões remotas. O período de fechamento completo da ALBA vai até o dia 31, véspera da reabertura dos trabalhos ordinários – em 1º de fevereiro.

A decisão de baixar um ato suspendendo os trabalhos presenciais ocorreu após reunião do deputado Adolfo Menezes com os superintendentes de Recursos Humanos da ALBA, Francisco Raposo (a quem o Serviço Médico é subordinado), e da Administração e Finanças, Robson Coutinho, que relataram o avanço da pandemia entre o pessoal, bem como a recomendação expressa da infectologista nesse sentido. Portanto, até o dia 31 apenas os serviços mais essenciais terão acesso às dependências da Assembleia, sendo vedado o acesso do público externo.

Durante esses dez dias o corpo dirigente monitorará o ritmo de avanço da pandemia na Bahia, para identificar se haverá necessidade de implantação de medidas de distanciamento social mais severo após a reabertura dos trabalhos – que será de forma híbrida, com as sessões plenárias e de comissões podendo ser frequentadas pelos deputados estaduais presencialmente ou de forma remota. Todos os funcionários efetivos, comissionados, estagiários, terceirizados e parlamentares precisam acessar o Portal do RH e apresentar documento comprobatório do cumprimento do calendário vacinal emitido pelas autoridades sanitárias – ou resultado do teste negativo para Covid.

Como já estava previsto, todos aqueles que decidirem não se vacinar, parlamentar ou servidor, precisam comprovar a imunidade através do teste PCR ou de antígenos negativos, renovado a cada 72 horas para ingressar nas dependências da Assembleia. O Legislativo não imporá a ninguém a vacinação, respeitando o direito de quem pretende enfrentar a pandemia sem se vacinar – mas protegerá a todos os vacinados vetando as presenças de quem não comprovar com esses exames que não está infectado.


Blogbraga/ALBA - Assessoria da Presidência

Compartilhar no Whatsapp

Governo do Estado publica decreto com redução de limite de público em eventos

Sexta-feira, 21 de Janeiro de 2022 / Bahia

Foto: Arquivo Blogbraga

Foi publicada nesta sexta-feira (21) no Diário Oficial do Estado (DOE) a atualização do decreto que estabelece medidas para conter a disseminação da Covid-19. A nova determinação foi anunciada pelo governador Rui Costa, nesta quinta-feira (20), e reduz de 3 mil para 1.500 pessoas o público máximo permitido em eventos de qualquer tipo no estado, inclusive em estádios de futebol. O novo decreto passará a vigorar a partir da 0h do dia 24 de janeiro (segunda-feira) e tem validade até 4 de fevereiro.

A escalada no número de infectados pelo coronavírus no estado é, segundo o governador, o principal motivo para a nova mudança. "Com essa taxa de crescimento, nós ultrapassaremos, em menos de uma semana, o maior número de contaminados que já registramos em toda a pandemia. Algo precisa ser feito pra evitar impactos maiores na economia e na vida das pessoas. É preciso conter esse crescimento", justificou Rui. Segundo o boletim da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), divulgado nessa quinta (20), a Bahia registrou 14.743 casos ativos de Covid-19.

Além de respeitar o limite de 1500 pessoas, os responsáveis pelos eventos precisarão obedecer à capacidade máxima de 50% de ocupação dos espaços onde eles são realizados. Estão mantidas no decreto as exigências de comprovação de vacinação completa para o público e envolvidos nos eventos e do uso de máscaras, além do distanciamento social.

As regras valem para cerimônias de casamento, eventos urbanos e rurais em logradouros públicos ou privados, eventos exclusivamente científicos e profissionais, em circos, parques de exposições, solenidades de formatura, feiras, passeatas, parques de diversões, teatros, cinemas, museus e afins. Bares e restaurantes seguem com a obrigação de exigir dos clientes o comprovante de vacinação contra a Covid-19.

Ainda segundo o governador, "há uma pressão muito grande para atender pacientes tanto com Covid-19 como com H3N2 (gripe)". Também devido a essa pressão, Rui autorizou a abertura de mais 30 leitos clínicos exclusivos para tratamento da Covid-19 no Hospital Espanhol e não descartou que também sejam abertos novos leitos de UTI caso haja necessidade.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

MP/Ministério Público recomenda que estabelecimentos de Macaúbas, Ibipitanga e Boquira não forneçam bebidas alcoólicas a crianças e adolescentes

Sexta-feira, 21 de Janeiro de 2022 / Bahia

Foto: Ilustrativa/Blogbraga

O Ministério Público estadual, por meio do promotor de Justiça Victor Teixeira Santana, recomendou aos donos de bares, botecos, bodegas, lanchonetes, produtoras de eventos, bailes, casas noturnas, casas de jogos, além de outros locais destinados à diversão das cidades de Macaúbas, Ibipitanga e Boquira que não entreguem, vendam ou sirvam bebidas alcoólicas de qualquer espécie a crianças ou adolescentes. O descumprimento do recomendado implica em responsabilidade criminal, além da apuração de infração administrativa, podendo resultar na interdição do estabelecimento. A recomendação levou em consideração que relatórios apresentados pelos Conselhos Tutelares de Macaúbas, Ibipitanga e Boquira davam conta de que “crianças e adolescentes fariam uso indevido e indiscriminado de bebidas alcoólicas nas ruas, praças, bares e festas nas cidades”, afirmou o promotor de Justiça. 

O MP recomendou ainda que seja cobrado documento de identidade para comprovar a idade, bem como sejam afixados cartazes alertando sobre a proibição e mencionando que o fato constitui crime e infração administrativa. Recomenda também que os responsáveis pelos estabelecimentos se empenhem em coibir o fornecimento de bebidas alcoólicas a crianças e adolescente por terceiros, nas dependências de seus estabelecimentos, suspendendo de imediato a venda de bebidas a estes e acionando a Polícia Militar. O MP orienta ainda que seja assegurado livre acesso ao Conselho Tutelar, aos representantes do MP e do Poder Judiciário, além de órgãos de segurança pública ao interior dos respectivos estabelecimentos, para fins de fiscalização do efetivo cumprimento da recomendação.                                                                                                                      
A recomendação se dirige também aos integrantes dos Conselhos Tutelares para que acompanhem as diligências, aplicando as medidas necessárias à salvaguarda dos direitos das crianças e adolescentes, e ofereçam todo o suporte necessário aos agentes responsáveis pela fiscalização dos locais, “especialmente quanto à eventual necessidade de encaminhamentos de crianças e adolescentes aos pais e responsáveis”. À Polícia Militar, o MP recomendou que esteja presente nos eventos onde haja presença do público infantojuvenil, fiscalizando o cumprimento da recomendação, orientando ainda para que se coíbam o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes.

A recomendação também se destina aos delegados de Polícia Civil com atuação nos municípios de Macaúbas, Ibipitanga e Boquira, pedindo apoio na investigação dos casos, bem como aos prefeitos para que incrementem a fiscalização pelos órgãos competentes, realizando ainda a divulgação, no prazo de trinta dias, de campanha de conscientização, com apoio do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), acerca da proibição de venda, entrega ou fornecimento de bebidas alcoólicas a crianças e adolescentes.


Blogbraga/Cecom/MP -Ministério Público da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Corpo de Bombeiros mantém ação humanitária para vítimas da chuva na Bahia

Sexta-feira, 21 de Janeiro de 2022 / Bahia

O Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA), por meio do Posto de Comando, Logística e Operações, instalado no município de Wanderley, realiza a Operação Chuva em cidades da região oeste da Bahia. Nesta quinta-feira (20), 10 toneladas de alimentos, 2,5 toneladas de água mineral e 2,5 toneladas de roupas, material encaminhado pelo Departamento de Apoio Logístico do CBMBA, chegaram ao posto de comando.

O objetivo é prestar socorro às famílias isoladas por conta das enchentes e levar ajuda humanitária ao maior número de pessoas atingidas. Desde a última terça-feira (18), em Wanderley, equipes se revezam em embarcações para chegar às localidades isoladas com alimentos e água mineral.

Entre as comunidades com situação mais crítica está o distrito de Goiabeira, local que é habitado por dezenas de famílias e que dá acesso a outros povoados. Um helicóptero do Grupamento Aéreo da policia Militar da Bahia (Graer/PMBA) atende à localidade com o transporte de profissionais de saúde, remédios e outros insumos necessários à comunidade.

Na última quarta-feira (19), 1,5 tonelada de alimentos e 91 kits de higiene pessoal chegaram a Wanderley e foram direcionados pela Assistência Social do município. Equipes de bombeiros militares também se deslocaram para Ibotirama, Paratinga e Muquém do São Francisco para avaliar a situação de cada município e oferecer ajuda humanitária.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Bahia atinge 14.743 casos ativos de Covid-19; 20 óbitos são registrados nas últimas 24h

Quinta-feira, 20 de Janeiro de 2022 / Bahia

A Bahia registrou, nas últimas 24 horas, 3.889 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,30%). O boletim epidemiológico divulgado nesta quinta-feira, 20, aponta ainda que 14.743 casos da doença encontram-se ativos, 2.388 recuperados (+0,19%) e 20 óbitos. Dos 1.303.045 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.260.571 já são considerados recuperados e 27.731 tiveram óbito confirmado.

Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.719.059 casos descartados e 288.505 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta quinta-feira. Na Bahia, 54.367 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 11.009.610 pessoas vacinadas com a primeira dose, 263.539 com a dose única, 9.195.329 com a segunda dose e 1.985.168 com a dose de reforço. Do público de 5 a 11 anos, 13.652 crianças já foram imunizadas.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

Com investimento superior a R$ 10 milhões, Rui entrega tratores para fortalecer a agricultura familiar na Bahia

Quinta-feira, 20 de Janeiro de 2022 / Bahia

O governador Rui Costa entregou, nesta quinta-feira (20), em solenidade no Parque de Exposições, em Salvador, 75 tratores com implementos agrícolas que vão beneficiar a agricultura familiar de todo estado. O investimento superior a R$ 10,3 milhões foi realizado através da Secretaria da Agricultura (Seagri) e da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e beneficia prefeituras, associações e cooperativas de pequenos produtores.

“Estamos falando de mecanização da agricultura, que beneficia vários produtores. Com isso nós damos um salto consistente na produção da agricultura familiar, na estruturação das cadeias produtivas, aumentando volume, aumentando até a exportação de produtos por parte das cooperativas, de agricultores que já mandam seus produtos para o exterior”, afirmou o governador Rui Costa. 

Por meio da Seagri, foram entregues 35 tratores com 78 implementos que beneficiarão 35 municípios. “Temos certeza que esses equipamentos vão fortalecer a agricultura familiar, pra modernizar, aumentar a produção e a produtividade. E a Bahia, como um estado que 40% de sua economia circula através da agricultura, tem a possibilidade, com esses maquinários, de ampliar a oferta de alimentos”, acrescentou o titular da Seagri, João Carlos Oliveira. 

Já a SDR entregou 42 tratores com implementos e dois microtratores. “O nosso propósito de ampliar a entrega de implementos agrícolas e tratores faz parte de um acerto com os consórcios e prefeituras, cujo objetivo é justamente aumentar a produção, e por conseguinte a renda do agricultor”, afirma o secretário da SDR, Josias Gomes.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: Governo do Estado investiga ataque a sites institucionais

Quinta-feira, 20 de Janeiro de 2022 / Bahia

Foto: Alberto Coutinho/GOVBA

A Secretaria da Segurança Pública (SSP), por meio da Polícia Civil e com o apoio da Superintendência de Inteligência, já iniciou as investigações sobre o ataque a 21 sites institucionais do Governo do Estado, ocorrido nesta quinta-feira (20). Os criminosos atuaram redirecionando a página inicial (home) desses canais para outro site, com ataques ao Executivo baiano.

De acordo com a Companhia de Processamento de Dados do Estado da Bahia (Prodeb), não houve alteração da estrutura interna dos sites das secretarias, órgãos e empresas estaduais, que permanecem preservados. Também não foi diagnosticado acesso, vazamento ou apagamento de dados públicos. Técnicos da Prodeb, onde ficam hospedados os sites institucionais do Governo do Estado, também atuam para identificar a origem do ataque e solucionar o problema com a maior brevidade possível. Os sites atacados foram temporariamente desativados e serão reativados ao longo do dia.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Bahia atinge 13.262 casos ativos de Covid-19; 16 óbitos são registrados

Quinta-feira, 20 de Janeiro de 2022 / Bahia

A Bahia registrou, nas últimas 24 horas, 4.887 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,38%). O boletim epidemiológico divulgado aponta ainda que 13.262 casos da doença encontra-se ativos, 2.589 recuperados (+0,21%) e 16 óbitos. Dos 1.299.156 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.258.183 já são considerados recuperados e 27.711 tiveram óbito confirmado.

Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.717.796 casos descartados e 284.849 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta quarta. Na Bahia, 54.132 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 10.950.791 pessoas vacinadas com a primeira dose, 262.943 com a dose única, 9.100.096 com a segunda dose e 1.909.520 com a dose de reforço.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

Variante Ômicron representa mais de 76% dos casos de coronavírus na Bahia

Quinta-feira, 20 de Janeiro de 2022 / Bahia

O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA) detectou, por meio de sequenciamento genético, 49 amostras da variante Ômicron no estado. Esse total representa 76,5% dos 64 sequenciamentos realizados em amostras coletadas no mês de janeiro. Além da identificação da Ômicron, foram detectadas 12 amostras da variante Delta e as outras três ainda estão em análise.

Os casos foram identificados nos municípios de Adustina, Belmonte, Cândido Sales, Dias D’Ávila, Eunápolis, Feira de Santana, Firmino Alves, Guanambi, Ilhéus, Irecê, Itaberaba, Itiruçu, Lauro de Freitas, Prado, Rui Barbosa, Salvador, Santa Cruz Cabrália, Santo Antônio de Jesus, Uibaí e Vitória da Conquista. São 21 homens e 28 mulheres, sendo o mais novo com 5 meses e o mais velho com 87 anos.

A secretária da Saúde do Estado, Tereza Paim, alerta que “o avanço da Ômicron tem provocado crescimento expressivo do número de casos ativos, atualmente em mais de 13 mil, ante uma média de 2 mil casos entre os meses de setembro e novembro do ano passado”, afirma.

Em paralelo ao crescimento do número de casos, há uma tendência de elevação nas hospitalizações, sobretudo, em pacientes que não se vacinaram ou que estão com esquema vacinal incompleto. “Hoje a Bahia tem mais de 1,8 milhão de pessoas que sequer tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid-19. Além disso, 4,6 milhões de baianos estão com esquema vacinal incompleto por não tomarem a segunda e terceira dose”, ressalta a secretária Tereza Paim, ao pontuar a necessidade de manter medidas de proteção como uso de máscaras e distanciamento físico.

A escolha das amostras para o sequenciamento é baseada na representatividade de todas as regiões geográficas do estado da Bahia, casos suspeitos de reinfecção, amostras de indivíduos que evoluíram para óbito, contatos de indivíduos portadores de variantes de atenção (VOC) e indivíduos que viajaram para área de circulação das novas variantes com sintomas clínicos característicos.

Reconhecido como a 3ª maior unidade de vigilância laboratorial do país e classificado na categoria máxima de qualidade pelo Ministério da Saúde, o Lacen-BA já realizou mais de 1.600 exames de sequenciamento genético do vírus da Covid-19.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

Bahia completa 1 ano de vacinação contra a Covid-19

Quarta-feira, 19 de Janeiro de 2022 / Bahia

Há exatamente um ano, em 19 de janeiro de 2021, o Governo do Estado deu início à vacinação contra a Covid-19 com a primeira dose aplicada na enfermeira Maria Angélica de Carvalho Sobrinho, de 53 anos, em evento com a presença do governador Rui Costa, realizado na sede das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid), em Salvador. Desde então, a Bahia recebeu 27 milhões de doses e já aplicou mais de 21 milhões, ente primeira e segunda dose, dose única e de reforço, de todos os imunizantes atualmente autorizados para uso no Brasil: CoronaVac, AstraZeneca, Pfizer e Janssen.

Primeira baiana imunizada, Maria Angélica atua na linha de frente contra a covid-19 e contraiu a doença entre a primeira e a segunda dose, aplicada no dia 20 de março de 2021. Ela foi atendida no Instituto Couto Maia (Icom) com sintomas leves. “Graças à primeira dose da vacina, tive boas respostas e me recuperei rapidamente. É apenas a imunização que nos protege para não termos sintomas graves e não precisarmos de internação, é fundamental para não perdermos nossas pessoas queridas. Hoje já completei todo o esquema vacinal, mas continuo usando máscara, álcool em gel e evitando aglomerações”.

Desde o início da vacinação na Bahia, o Governo do Estado tem atuado com uma logística que garante a entrega das vacinas recebidas em menos de 12 horas para os 417 municípios baianos. Cada cidade recebe as vacinas de acordo com o número de população, usando como base os dados do IBGE de 2020. Ao receber a quantidade necessária para a sua realidade, o município aplica as doses e informa à Diretoria de Vigilância Epidemiológica do Estado, que acompanha, monitora a velocidade de vacinação e a capacidade que o município tem de vacinar. A agilidade na distribuição tem mantido a Bahia como o segundo estado com menor mortalidade do Brasil pela Covid-19.

De acordo com a secretária da Sáude (Sesab), Tereza Paim, já é possível evidenciar o impacto que a vacinação teve na queda no número de infectados e mortos pela doença. “Nesta quarta-feira (19), completamos um ano desde o início da vacinação e podemos fazer um comparativo entre o número de casos confirmados e internados nesse período. Em março de 2021, 7.960 pessoas estavam confirmadas e internadas, e em dezembro do mesmo ano, 557 pessoas. A taxa de mortalidade também sofreu uma queda importante e relativa à taxa de vacinação. Em março de 2021, nós tínhamos 23,4 mortes para cada cem mil habitantes, e em dezembro chegamos a 1,4. Esses dados ajudam a entender como a vacinação diminui a possibilidade da morte evitável, causada pelo coronavírus”.

A secretária alerta que a imunização completa é que garante uma maior proteção contra a doença. “Para combatermos o avanço do vírus é necessário que todas as pessoas vão se vacinar. Ainda temos mais de 2 milhões de pessoas que não tomaram a segunda dose e a vacina salva e vem salvando vidas. É importante que as pessoas busquem as unidades de saúde para se vacinarem contra a doença, incluindo também a dose de reforço. O esquema completo de vacinação dá uma maior garantia de defesa contra a doença.”

Eficazes e seguras

A médica infectologista Ceuci Nunes, diretora-geral do Icom, esclarece que as vacinas são eficazes e seguras. “As vacinas para Covid-19 foram desenvolvidas em um tempo recorde por conta da urgência da pandemia, mas elas se utilizaram de plataformas vacinais que já vinham sendo testadas em outras vacinas para outras doenças. Portanto, não são vacinas experimentais, elas passaram por todos os processos de avaliação, testes de segurança, testes pra avaliar doses e eficácia, e agora nós estamos com o principal dos testes que é utilizando na população em geral. Mais de 11 bilhões de doses já foi já foram aplicadas em todo mundo e não vimos o aparecimento de nenhuma reação vacinal grave”.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Onze veículos são confiscados em festa irregular em Jacobina/BA

Quarta-feira, 19 de Janeiro de 2022 / Bahia

Onze motos com documentação irregular, além de um carro com som automotivo foram apreendidos durante encerramento de uma festa “tipo paredão”, por equipes da 24ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), com apoio das Rondas Especiais (Rondesp) Norte, na cidade de Jacobina. A ação foi realizada após denúncias, na madrugada desta segunda-feira (17).

As equipes receberam a informação de que um evento com cerca de três mil pessoas ocorria  no Parque de Exposições da cidade, mas ao chegarem no local, a multidão se dispersou para outra  localidade, como explica a subcomandante da unidade, capitã Virgínia Bacelar Rocha Marinho. 

“Com o conhecimento de que a PM estaria a caminho, o público se deslocou para o bairro do Pau Ferro, onde iniciaram outra festa no ”Bar do Buraco”. Quando as equipes chegaram, desligaram o som de um carro, realizaram abordagens e, durante fiscalização nos nas motos, identificaram que algumas delas não possuíam documentação, emplacamento, retrovisor e a maioria com o escapamento adulterado” disse a oficial.

Segundo a capitã, o dono do som automotivo foi caminhando para a Delegacia Territorial (DT) da cidade, junto do veículo e do aparelho sonoro. Já as motocicletas foram conduzidas para empresa credenciada ao Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran).


Blogbraga/SSP-BA

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: Bombeiros Militar da Bahia notificam 11 estabelecimento e durante o final de semana

Quarta-feira, 19 de Janeiro de 2022 / Bahia

Onze eventos foram notificados nesta sexta-feira sábado e domingo (dias 14, 15 e 16) pelo Centro de Atividades Técnicas e Pesquisa (CATP) do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA), em cumprimento do novo Decreto Estadual. Durante as vistorias, que fazem parte de uma serie de iniciativas para evitar a proliferação do Coronavírus, os bombeiros analisam o limite máximo de público, assim como a existência do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), as punições são advertência, multa, embargo temporário e definitivo.

"Essas vistorias já fazem parte da nossa rotina para a verificação do AVCB e consequentemente das medidas contra incêndio e pânico. Agora estamos com uma força-tarefa para evitar também a proliferação da Covid e da H3N2, garantindo assim um evento mais seguro para o público e os organizadores", explicou o major BM Marcos Moreira. 

Além do número máximo de 3 mil pessoas, os eventos devem obedecer à regra de lotação máxima de 50% da capacidade de cada local.  Estão mantidas no novo decreto as obrigatoriedades da comprovação de vacinação contra a Covid-19 e do uso de máscara pelo público e demais participantes dos eventos. Essa exigência se estende a bares e restaurantes, que devem exigir dos clientes o comprovante de vacinação. As denúncias podem ser feitas através do número 193.


Blogbraga/Fonte: Ascom | CBMBA

Compartilhar no Whatsapp

Cachoeira de Paulo Afonso volta a ficar visível e aquece turismo na região do São Francisco

Quarta-feira, 19 de Janeiro de 2022 / Bahia

A cachoeira de Paulo Afonso, no semiárido baiano, ganhou a atual denominação no século 18. Ela é formada por um conjunto de quedas d’água que podem alcançar 80 metros de altura, na zona turística Lagos e Cânions do Rio São Francisco.

Com a chegada na região da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), em meados do século 20, para utilizar o potencial do rio na geração de energia, a cachoeira passou a ficar visível de acordo com o funcionamento das comportas das usinas da empresa.

Agora, após 12 anos, a cachoeira de Paulo Afonso pode ser admirada novamente por moradores da região e turistas. Isso foi possível por causa da cheia na bacia hidrográfica, que provocou a abertura das comportas e, consequentemente, o ressurgimento das quedas d’água.

“Esse era um momento muito esperado no município. Estamos realizando o sonho de ver as águas correndo de novo. Temos o renascimento de um cartão-postal emblemático, que foi visitado pelo imperador Dom Pedro II e inspirou versos do poeta Castro Alves “, relata o secretário de Turismo, Indústria e Comércio de Paulo Afonso, Nino Rangel.

Com a volta da atração turística, a visitação ao Parque da Chesf foi ampliada, em parceria com a prefeitura, seguindo protocolos sanitários e reforço nas medidas de segurança contra acidentes. As informações sobre o passeio estão disponíveis nos sites da Chesf e da Prefeitura de Paulo Afonso.

“Que alegria ter a volta do espetáculo das águas em Paulo Afonso, durante o verão. O Governo do Estado está em contato com a prefeitura e a Chesf, para a realização de ações conjuntas que fortaleçam esse segmento turístico na região do São Francisco”, comemorou o secretário estadual de Turismo, Maurício Bacelar.


Blogbraga/Fonte: Ascom/Setur

Compartilhar no Whatsapp

Bahia atinge 10.980 casos ativos de Covid-19; 23 óbitos são registrados

Quarta-feira, 19 de Janeiro de 2022 / Bahia

A Bahia registrou nesta terça-feira (18) 10.980 casos ativos de Covid-19. A última vez que o estado teve um número de ativos maior ao de hoje foi em 13/07/2021, quando foram registrados 11.055 ocorrências. O boletim epidemiológico aponta ainda que, nas últimas 24 horas, foram computados 3.918 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,30%), 2.394 recuperados (+0,19%) e 23 óbitos. Dos 1.294.269 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.255.594 já são considerados recuperados e 27.695 tiveram óbito confirmado.

Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.715.590 casos descartados e 281.830 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta terça. Na Bahia, 53.861 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 10.900.691 pessoas vacinadas com a primeira dose, 262.974 com a dose única, 9.040.834 com a segunda dose e 1.811.592 com a dose de reforço.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

Bahia registra 2.184 casos de H3N2, com 100 óbitos, e 23 de Flurona

Terça-feira, 18 de Janeiro de 2022 / Bahia

De 1º de novembro de 2021 até 18 de janeiro deste ano, a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) registrou 2.184 casos de Influenza A, do tipo H3N2, distribuídos em 193 municípios. Deste total, 1.104 (50,54%) são residentes em Salvador. Vale ressaltar que se trata de uma amostragem de casos de Síndrome Gripal (SG), pois nem todas as amostras coletadas são testadas para Influenza.

De acordo com a Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Bahia, dos 2.184 casos, 454 evoluíram para Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e necessitaram de internação, com 100 pacientes evoluindo a óbito, o que caracteriza uma letalidade de 22,02%. Os óbitos foram registrados nos municípios de Salvador (58), Feira de Santana (6), Teixeira de Freitas (6), Canavieiras (2), Ilhéus (2), Mulungu do Morro (2), Jequié (2), São Sebastião do Passé (2), Simões Filho (2) , Valença (02) e 01 óbito para cada um dos seguintes municípios: Mairi, Cabaceiras do Paraguaçu, Camaçari, Candeias, Catu, Guanambi, Itagimirim, Ituberá, Laje, Maragogipe, Nazaré, Pojuca, Ribeira do Pombal, Sapeaçu, Tanquinho, Urandi e Jequiriçá.

Do total de óbitos, 50 (50 %) ocorreram no sexo feminino e 50 (50%) no sexo masculino. A maioria ocorreu na faixa etária acima de 80 anos (53 óbitos; 53%). Os outros ocorreram nas faixas de 70 a 79 anos (17 óbitos), 60 a 69 anos (9 ), 50 a 59 anos (10), 40 a 49 anos (6), 30 a 39 anos (3) e 10 a 14 anos (2). Sobre o óbito registrado anteriormente em criança de 4 anos, após revisão da causa básica de morte, foi reclassificado para óbitos por outras causas.

Quanto aos antecedentes vacinais, observou-se que apenas dez (10) casos que evoluíram a óbito foram vacinados contra Influenza . No que se refere ao tratamento com antiviral, 31 (31%) utilizaram o oseltamivir (Tamiflu). Verificou-se a presença de comorbidades e/ou condições de risco para agravamento da doença em 78 (78%) óbitos.

Dados Flurona

O Laboratório Central de Saúde da Pública da Bahia e a Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Sesab confirmaram 23 casos de infecção simultânea dos vírus da Influenza e Covid-19, denominada Flurona, notificados nos seguintes municípios: Alagoinhas (02), Camaçari (01), Feira de Santana (02), Juazeiro (01), Lauro de Freitas (01), Muniz Ferreira (01), Mutuípe (01), Salvador (13), Vitória da Conquista (01). São dez (10) pacientes do sexo masculino e treze (13) do sexo feminino, com idades entre 8 e 91 anos.

Medidas de prevenção

Enquanto a vacina Influenza da campanha de 2022 está em fase de produção, a população pode e deve adotar as seguintes medidas de precaução: utilizar máscara e álcool em gel; lavar as mãos várias vezes ao dia, principalmente antes de consumir alimentos; evitar tocar a face e mucosas de olhos, nariz e boca; cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir; manter os ambientes bem ventilados; evitar contato próximo com pessoas que apresentem sintomas de gripe; evitar aglomerações e ambientes fechados; e adotar hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: Prefeituras baianas recebem investimentos para dar início à recuperação de estradas vicinais

Terça-feira, 18 de Janeiro de 2022 / Bahia

Os municípios baianos, que tiveram estradas vicinais danificadas pelas fortes chuvas de dezembro e início de janeiro, já começaram a receber recursos para dar início à recuperação dos trechos que dão acesso a comunidades rurais. A ação foi reforçada em evento realizado, nesta segunda-feira (17), pelo governador Rui Costa, no Parque de Exposições de Salvador.

Estão sendo destinados R$14 milhões para beneficiar municípios baianos sob decreto emergencial, por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), com o apoio e a mobilização de consórcios públicos.  

O secretário da SDR, Josias Gomes, ressaltou a importância da agilidade na reconstrução das estradas para reestabelecer o tráfego entre as comunidades rurais e as sedes dos municípios. “Nosso propósito em resolver grande parte dos problemas das estradas vicinais vem da necessidade de apoiar a continuidade na produção de alimentos e a manutenção dos agricultores no campo”.

O chefe de gabinete da SDR, Jeandro Ribeiro, explicou que entre as ações que o Governo do Estado adotou como emergenciais, para amenizar os efeitos das chuvas, a SDR ficou, prioritariamente, com as estradas vicinais. “A gente apresentou aos consócios a metodologia que está sendo feita para que as prefeituras tenham acesso a esse recurso. Temos 32 convênios publicados, desses, 13 já estão pagos. Mas temos 86 convênios que estão aptos para conveniar e pagar, ainda essa semana. Nossa meta é chegar aos 163 até o final do mês de janeiro. Então, é convênio firmado com prefeitura, recurso na conta e começo da execução da recuperação das estradas vicinais”.

Já receberam recursos os municípios de Itaquara, Itacaré, Camacan, Itapitanga, Taperoá, Ilhéus, Itapé, Ipiaú, Jussari, Floresta Azul, Nilo Peçanha, Jiquiriçá e Itaju do Colônia.

No total, os recursos destinados para essa ação são de R$ 50 mil a R$ 120 mil, para cada município, a depender da extensão territorial de cada município. Os valores emergenciais são destinados para a aquisição de combustíveis e apoio na locação de maquinários para a recuperação de estradas vicinais.


Blogbraga/Assessoria de Comunicação SDR/CAR

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: Saúde no interior é reforçada com a entrega de 28 ambulâncias

Terça-feira, 18 de Janeiro de 2022 / Bahia

Municípios do interior da Bahia foram beneficiados com a entrega de ambulâncias que vão ajudar no transporte de pacientes e aumentar o acesso a saúde. A solenidade aconteceu no Parque de Exposições, nesta segunda-feira (17), e contou com a presença do governador Rui Costa, da Diretora-Geral da Secretaria da Saúde da Bahia, Roberta Santana, além de prefeitos e deputados que destinaram suas emendas parlamentares para viabilizar a entrega dos veículos.

Neste primeiro momento, 15 ambulâncias foram entregues ao municípios de Arataca, Aurelino Alves, Caetanos, Cândido Sales, Firmino Alves, Floresta Azul, Itacaré, Itajú da Colônia, Itambé, Itaquara, Jequié, Jiquiriçá, Manoel Vitorino, Ubaitaba e Valença. Nos próximos dias, outras 13 serão destinadas a demais cidades. Os veículos são do modelo tipo van, avaliados em R$ 205 mil, cada, totalizando um investimento aproximado de R$ 6 milhões.

“A ideia é zerar [a pendência de ambulâncias] em diversos territórios. Estamos entregando 28 ambulâncias e, com isso, a gente deve avançar bastante. De dezembro para cá, já entregamos 109 ambulâncias. Ao todo, desde o início do governo de Jaques Wagner até agora, já entregamos 2.011”, comemorou o governador Rui Costa, destacando a importância de priorizar os municípios prejudicados pelas fortes chuvas.

Mais 161 ambulâncias

De acordo com a diretora-geral da Sesab, a ação segue com a entrega de mais equipamentos até o mês de março. “O Extremo-sul já foi completamente atendido. Agora, estamos entregando o restante dos outros municípios que fazem parte das regiões afetadas pelas chuvas. Estamos na expectativa de receber 161 ambulâncias até março. Com isso, conseguiremos dar todo o apoio e assistência a esses municípios que necessitam desse reforço”, explicou.

Prefeito do município de Ubaitaba, Asclepíades Queiroz destacou a importância do veículo para o município, que teve grandes prejuízos com a chuva. “É indescritível para um município pobre e com problemas na saúde. De forma recorrente temos que transportar pacientes para Itabuna, Ilhéus e precisamos de equipamentos como ambulâncias. Veio em boa hora, principalmente após esse rastro de destruição que tivemos com a chuva”, disse.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

COVID-19: PJBA PUBLICA NOVAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO AO CONTÁGIO

Terça-feira, 18 de Janeiro de 2022 / Bahia

Atento ao aumento significativo do número de casos de Covid-19, evidenciado no boletim epidemiológico publicado pela Secretaria de Saúde do Estado no dia 14 de janeiro, bem como à coexistência de surto de gripe, o Poder Judiciário da Bahia (PJBA) publicou, nesta segunda-feira (17), o Ato Conjunto nº 01/2022. O documento estabelece novas medidas de prevenção ao contágio pelo SARS-CoV-2, como a adoção de trabalho em formato híbrido e a realização dos atos processuais, sempre que possível, de forma remota. 

Conforme determinado, a partir de hoje (17), seguindo até o dia 31 de janeiro, as unidades passarão a funcionar em formato híbrido, presencialmente e em teletrabalho. Assim, os servidores exercerão as atividades presencialmente, em sistema de rodízio e em quantitativo diário equivalente a um servidor para cada 4 m² dos espaços físicos, ou correspondente a 30% do efetivo das unidades, prevalecendo o maior número. Nos dias em que não se encontrar na escala do rodízio, o servidor realizará suas atividades em teletrabalho. Cabe destacar que fica mantido o horário normal do expediente.  

Em relação aos atos processuais, estes, sempre que possível e preferencialmente, serão realizados por videoconferência. A realização dos atos de forma presencial ficará restrita às hipóteses em que, de fato, não seja possível a sua execução de forma remota.  

O atendimento às partes, advogados, defensores públicos e membros do Ministério Público deverá ocorrer, prioritariamente, pela ferramenta do Balcão Virtual, nos moldes do Ato Normativo Conjunto nº 06/2021. O acesso desse público às dependências do PJBA será permitido mediante prévio agendamento, desde que não seja possível a realização do atendimento remoto pelo Balcão Virtual. Vale lembrar que o acesso acontece em consonância com o Ato Normativo Conjunto nº 41/2021, o qual dispõe sobre a exigência do comprovante de vacinação.  

Ainda segundo o Ato Conjunto nº 1/2022, as audiências serão realizadas preferencialmente por videoconferência, nos moldes do Decreto Judiciário nº 276/2020.  É importante salientar que as audiências que se encontravam agendadas poderão ser realizadas presencialmente. 

Da mesma maneira, as sessões de julgamento dos Órgãos de Segundo Grau e das Turmas Recursais do Sistema Estadual dos Juizados Especiais serão realizadas por videoconferência, mantidas as disposições dos Decretos Judiciários nº 245/2020 e nº 271/2020.  

No que diz respeito aos mandados judiciais, estes seguirão sendo cumpridos pelos oficiais de justiça, preferencialmente, por e-mail, telefone, WhatsApp, ou outro meio eletrônico, devendo ser certificada a forma de comprovação do recebimento. Mandados que não possam sem cumpridos de forma remota, independentemente de serem caracterizados como urgentes ou não, serão cumpridos presencialmente, no prazo de 30 dias, prorrogável por igual período, por oficiais de justiça com o esquema vacinal completo.  

Assinado pela atual Mesa Diretora do Tribunal baiano, que é composta pelos Desembargadores Lourival Almeida Trindade (Presidente), Carlos Roberto Santos Araújo (1º Vice-Presidente), Augusto de Lima Bispo (2º Vice-Presidente), José Alfredo Cerqueira da Silva (Corregedor-Geral da Justiça) e Osvaldo de Almeida Bomfim (Corregedor das Comarcas do Interior), o Ato Conjunto nº1/2022 reitera a necessidade da observância das diretrizes de higiene e segurança propostas pelo Comitê Gestor Local de Atenção Integral à Saúde dos Magistrados e Servidores, constantes no anexo I, e as orientações das cartilhas, dos anexos II, III e IV, do Decreto Judiciário nº 414, de 24 de julho de 2020.  

 Acesse aqui os Atos Conjuntos e Decretos Judiciários relativos à pandemia


Blogbraga/TJBA

Compartilhar no Whatsapp

Bahia atinge 9.479 casos ativos de Covid-19; 10 óbitos são registrados nas últimas 24h

Segunda-feira, 17 de Janeiro de 2022 / Bahia

A Bahia registrou nesta segunda-feira (17) 9.479 casos ativos de Covid-19. A última vez que o estado teve um número de ativos maior ao de hoje foi em 16/07/2021, quando foram registrados 10.054 ocorrências. O boletim epidemiológico aponta ainda que, nas últimas 24 horas, foram computados 1.795 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,14%), 1.361 recuperados (+0,11%) e 10 óbitos. Dos 1.290.351 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.253.200 já são considerados recuperados e 27.672 tiveram óbito confirmado.

Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.713.780 casos descartados e 278.799 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta segunda. Na Bahia, 53.625 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 10.889.323 pessoas vacinadas com a primeira dose, 262.911 com a dose única, 8.985.518 com a segunda dose e 1.762.721 com a dose de reforço.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

Bahia atinge 9.055 casos ativos de Covid-19; 4 óbitos são registrados

Segunda-feira, 17 de Janeiro de 2022 / Bahia

A Bahia registrou neste domingo (16) 9.055 casos ativos de Covid-19. A última vez que o estado teve um número de ativos maior ao de hoje foi em 23/07/21, quando foram registrados 9.301 ocorrências. O boletim epidemiológico aponta ainda que, nas últimas 24 horas, foram computados 1.472 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,11%), 1.145 recuperados (+0,09%) e 4 óbitos. Dos 1.288.556 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.251.839 já são considerados recuperados e 27.662 tiveram óbito confirmado.

Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.712.088 casos descartados e 279.546 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas deste domingo. Na Bahia, 53.529 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 10.882.483 pessoas vacinadas com a primeira dose, 264.128 com a dose única, 8.971.149 com a segunda dose e 1.727.536 com a dose de reforço.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

Defesa Civil do Estado atualiza dados sobre população afetada pelas chuvas na Bahia

Segunda-feira, 17 de Janeiro de 2022 / Bahia

Foto: Arquivo Blogbraga

Com base em informações recebidas das prefeituras, a Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec) atualizou, na tarde deste domingo (16), os números referentes à população atingida pelas fortes chuvas que ocorreram em diversas regiões do estado. São 30.306 desabrigados, 62.156 desalojados, 27 mortos e 523 feridos. O total de atingidos é de 965.643 pessoas.

O último óbito ocorreu no dia 7, em Barra, no oeste baiano, e foi informado à Sudec pelo município apenas neste domingo (16). Trata-se de um homem de 72 anos, que se afogou no assentamento São Francisco, na margem do Rio Grande, zona rural de Barra.

As localidades com vítimas fatais são: Amargosa (2), Itaberaba (2), Itamaraju (4), Jucuruçu (3), Macarani (1), Prado (2), Ruy Barbosa (1), Itapetinga (1), Ilhéus (3), Aurelino Leal (1), Itabuna (2), São Félix do Coribe (2), Ubaitaba (1), Belo Campo (1) e Barra (1).

Os números correspondem às ocorrências registradas em 199 municípios afetados. Desse total, 190 estão com decreto de situação de emergência.

Municípios com decreto de situação de emergência:

1.AIQUARA
2.ALCOBAÇA
3.AMARGOSA
4.AMÉLIA RODRIGUES
5.ANAGÉ
6.ANDARAÍ
7.ANGICAL
8.APUAREMA
9.ARACATU
10.ARATACA
11.AURELINO LEAL
12.BAIXA GRANDE
13.BARRA
14.BARRA DA ESTIVA
15.BARRA DO CHOÇA
16.BARRA DO MENDES
17.BARRA DO ROCHA
18.BARRO ALTO
19.BELMONTE
20.BELO CAMPO
21.BOA NOVA
22.BOA VISTA DO TUPIM
23.BOM JESUS DA SERRA
24.BOTUPORÃ
25.BREJÕES
26.BREJOLÂNDIA
27.BRUMADO
28.BUERAREMA
29.CAATIBA
30.CACHOEIRA
31.CAETANOS
32.CAMACÃ
33.CAMAMU
34.CANAVIEIRAS
35.CÂNDIDO SALES
36.CARAÍBAS
37.CARAVELAS
38.CARINHANHA
39.CATURAMA
40.COARACI
41.COCOS
42.CONCEIÇÃO DO ALMEIDA
43.CONDEÚBA
44.CORDEIROS
45.COTEGIPE
46.CRAVOLÂNDIA
47.CRISTÓPOLIS
48.DÁRIO MEIRA
49.DOM BÁSILIO
50.ENCRUZILHADA
51.ENTRE RIOS
52.ESPLANADA
53.EUNÁPOLIS
54.FEIRA DA MATA
55.FEIRA DE SANTANA
56.FIRMINO ALVES
57.FLORESTA AZUL
58.GANDU
59.GONGOGI
60.GOVERNADOR MANGABEIRA
61.GUARATINGA
62.IAÇU
63.IBIASSUCÊ
64.IBICARAI
65.IBICOARA
66.IBICUÍ
67.IBIPEBA
68.IBIRAPITANGA
69.IBIRAPUÃ
70.IBIRATAIA
71.IBITIARA
72.IGAPORÃ
73.IGRAPIÚNA
74.IGUAÍ
75.ILHÉUS
76.IPIAÚ
77.IRAJUBA
78.IRAMAIA
79.ITABELA
80.ITABERABA
81.ITABUNA
82.ITACARÉ
83.ITAETÉ
84.ITAGI
85.ITAGIMIRIM
86.ITAJU DO COLÔNIA
87.ITAJUÍPE
88.ITAMARAJU
89.ITAMARI
90.ITAMBÉ
91.ITANHÉM
92.ITAPÉ
93.ITAPEBI
94.ITAPETINGA
95.ITAPITANGA
96.ITAQUARA
97.ITARANTIM
98.ITORORÓ
99.ITUBERÁ
100.ITIRUÇU
101.IUIU
102.JAGUAQUARA
103.JEQUIÉ
104.JIQUIRIÇÁ
105.JITAÚNA
106.JOÃO DOURADO
107.JUCURUÇU
108.JUSSARI
109.JUSSIAPE
110.LAFAIETE COUTINHO
111.LAGEDO DO TABOCAL
112.LAGOA REAL
113.LAJE
114.LAJEDÃO
115.LENÇÓIS
116.LIVRAMENTO DE NOSSA SENHORA
117.MACARANI
118.MACAÚBAS
119.MAETINGA
120.MALHADA
121.MANOEL VITORINO
122.MARAGOGIPE
123.MARCIONÍLIO DE SOUZA
124.MASCOTE
125.MATINA
126.MEDEIROS NETO
127.MILAGRES
128.MIRANTE
129.MORTUGABA
130.MUCUGÊ
131.MUCURI
132.MUNDO NOVO
133.MUQUÉM DE SÃO FRANCISCO
134.MUTUÍPE
135.NAZARÉ
136.NILO PEÇANHA
137.NOVA CANAÃ
138.NOVA IBIÁ
139.NOVA ITARANA
140.NOVA VIÇOSA
141.NOVO HORIZONTE
142.PALMAS DE MONTE ALTO
143.PARAMIRIM
144.PARATINGA
145.PAU BRASIL
146.PINDAÍ
147.PIRAÍ DO NORTE
148.PIRIPÁ
149.PLANALTINO
150.PLANALTO
151.POÇÕES
152.PORTO SEGURO
153.POTIRAGUÁ
154.PRADO
155.PRESIDENTE JÂNIO QUADROS
156.PRESIDENTE TANCREDO NEVES
157.RAFAEL JAMBEIRO
158.RIACHO DE SANTANA
159.RIBEIRA DO POMBAL
160.RIBEIRÃO DO LARGO
161.RIO DE CONTAS
162.RIO DO PIRES
163.RUY BARBOSA
164.SANTA CRUZ CABRÁLIA
165.SANTA CRUZ DA VITÓRIA
166.SANTA INÊS
167.SANTA LUZIA
168.SANTA MARIA DA VITÓRIA
169.SANTANA
170.SANTANÓPOLIS
171.SÃO FÉLIX
172.SÃO FÉLIX DO CORIBE
173.SÃO GABRIEL
174.SERRA DOURADA
175.TABOCAS DO BREJO VELHO
176.TANHAÇU
177.TAPEROÁ
178.TEIXEIRA DE FREITAS
179.TEOLÂNDIA
180.TREMEDAL
181.UBAÍRA
182.UBAITABA
183.UBATÃ
184.URUÇUCA
185.VALENÇA
186.VEREDA
187.VITÓRIA DA CONQUISTA
188.WANDERLEY
189.WENCESLAU GUIMARÃES
190.XIQUE-XIQUE


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Bahia atinge 8.732 casos ativos de Covid-19; 8 óbitos são registrados

Domingo, 16 de Janeiro de 2022 / Bahia

A Bahia registrou neste sábado (15) 8.732 casos ativos de Covid-19. A última vez que o estado teve um número de ativos maior ao de hoje foi em 24/07/21, quando foram registrados 9.042 ocorrências. O boletim epidemiológico aponta ainda que, nas últimas 24 horas, foram computados 918 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,07%), 738 recuperados (+0,06%) e 8 óbitos. Dos 1.287.084 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.250.694 já são considerados recuperados e 27.658 tiveram óbito confirmado.

Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.711.183 casos descartados e 279.547 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas deste sábado. Na Bahia, 53.477 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 10.881.885 pessoas vacinadas com a primeira dose, 264.125 com a dose única, 8.969.677 com a segunda dose e 1.722.972 com a dose de reforço.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

SEC divulga resultado final de licitação para modernização de escolas em sete municípios; Tapiramutá está entre os municípios beneficiados

Sábado, 15 de Janeiro de 2022 / Bahia

Foto: Paula Fróes/GOVBA

A Secretaria da Educação do Estado (SEC) divulgou nesta sexta-feira (14), no Diário Oficial do Estado (DOE), o resultado final de licitação, no valor de R$153.315.157,35, para contratação de empresa especializada para execução de obras de construção, ampliação e modernização de oito unidades escolares estaduais de Tempo Integral. Os municípios beneficiados são Araci, Juazeiro, Pindobaçu, Retirolândia, Rio Real, Serrinha (duas unidades) e Tapiramutá.

Esta ação faz parte dos mais de R$ 2,3 bilhões que estão sendo investidos pelo Estado na requalificação da rede física escolar que conta com a instalação de novos equipamentos, como laboratórios, bibliotecas, quadras de esportes cobertas e campo society, além da implantação dos Complexos Poliesportivos Educacionais, visando fortalecer as aprendizagens no contexto da Educação em Tempo Integral.

A construção e reforma de escolas também envolve a política de expansão da Educação de Tempo Integral na rede estadual de ensino, por meio do Programa Baiano de Educação Integral Anísio Teixeira. A iniciativa tem o objetivo de elevar os níveis de aprendizagem, através da ampliação da jornada escolar dos estudante; e fortalecer o desenvolvimento humano e social dos estudantes, por meio de ações que propiciem a diversificação do universo de experiências educativas articuladas com as áreas do conhecimento; além de contribuir para a melhoria dos indicadores de qualidade das unidades escolares com tempo estendido.


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

BA-634, entre Tomba e Ribeirão do Largo, tem tráfego liberado

Sábado, 15 de Janeiro de 2022 / Bahia

O tráfego de veículos na BA-634, entre Tomba e Ribeirão do Largo, foi totalmente liberado pela Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) após a conclusão da limpeza da pista na noite da última quinta-feira (13). O trânsito na rodovia estava parcialmente interditado devido a um deslizamento de terra ocorrido no início desta semana.

Outras três rodovias passam por manutenção nesta sexta-feira (14): a BA-262, que liga Ilhéus a Uruçuca; a BA-972, em Coaraci, entre a sede municipal e os distritos de Itamotinga e Cafundó; e o acesso à Floresta Azul.

Desde dezembro, a equipe técnica da Secretaria de Infraestrutura tem executado ações para retomar a circulação de veículos nas rodovias afetadas pelas chuvas. O reparo das vias permitiu ao órgão liberar o tráfego parcialmente ou totalmente em 61 dos 74 trechos atingidos.

A lista com as condições de trafegabilidade dos trechos de rodovias baianas afetados pelas fortes chuvas das últimas semanas (74) está disponível neste link: bit.ly/Seinframonitora


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: Orientações para vacinação de crianças contra Covid-19 são apresentadas na CIB

Sábado, 15 de Janeiro de 2022 / Bahia

Em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) realizada na manhã de hoje (14), a coordenadora do Programa de Imunizações da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), Vânia Rebouças, apresentou o Plano Operacional da Anvisa (Agência de Vigilância Sanitária) para a aplicação da vacina Pfizer, contra a Covid-19, em crianças de 5 a 11 anos. A população estimada para receber o imunizante na Bahia é de, aproximadamente, 1,5 milhão.

Entre as recomendações da Anvisa está que a vacinação de crianças seja realizada em ambiente específico e segregado da vacinação de adultos, em ambiente acolhedor e seguro, e quando da vacinação nas comunidades isoladas, por exemplo nas aldeias indígenas, sempre que possível, que a imunização das crianças seja feita em dias separados, não coincidentes com a vacinação de adultos.

A sala em que será aplicada a vacina contra a Covid-19, em crianças de 5 a 11 anos, deve ser exclusiva para a aplicação dessa vacina, não sendo aproveitada para a aplicação de outras vacinas, ainda que pediátricas e não havendo disponibilidade de infraestrutura para essa separação, devem ser adotadas todas as medidas para evitar erros de vacinação. Além disso, a vacina Covid-19 não deve ser administrada de forma concomitante a outras vacinas do calendário infantil, por precaução, sendo recomendado um intervalo de 15 dias.

OUTRA RECOMENDAÇÕES

Para a vacinação das crianças contra a Covid-19 deve ser evitada a modalidade de drive thru e as crianças devem ser acolhidas, permanecendo no local da vacinação por pelo menos 20 minutos após a aplicação, facilitando que sejam observadas durante esse breve período. No estado, não será exigido o termo de autorização, recomendado pelo Ministério da Saúde para vacinação das crianças de 5 a 11 anos, quando a criança estiver acompanhada do pai, mãe ou responsável legal. “Só será necessário um mecanismo de comprovação, um documento, de que é o responsável”, explica a secretária da Saúde, Tereza Paim. No caso da ausência de pais ou responsáveis, a vacinação deverá ser autorizada em termo de consentimento por escrito.

Os pais ou responsáveis devem ser informados, antes da aplicação do imunizante sobre os principais sintomas locais esperados, como dor, inchaço e vermelhidão no local da injeção, e sistêmico, como febre, fadiga, dor de cabeça, calafrios, mialgia.

FRASCOS LARANJA

A vacinação das crianças nessa faixa etária será iniciada após treinamento completo das equipes de saúde que farão a aplicação da vacina, uma vez que a grande maioria dos eventos adversos pós-vacinação é decorrente da administração do produto errado à faixa etária, da dose inadequada e da preparação errônea do produto. Os profissionais de saúde, antes de aplicar a vacina, devem mostrar ao responsável que acompanha a criança que se trata da vacina contra a Covid-19, frasco na cor laranja, cuja dose de 0,2ml, contendo 10 mcg da vacina contra a Covid-19, Comirnaty (Pfizer/Wyeth), específica para crianças entre 5 a 11 anos.

As crianças que completarem 12 anos entre a primeira e a segunda dose devem permanecer com a dose pediátrica da vacina.

ORDEM REGRESSIVA

A imunização das crianças com idade entre 11 a 15 anos por ordem regressiva – 11, 10, 9, 8, 7, 6 e 5. As crianças com deficiência permanente ou com comorbidades (comprovação mediante relatório médico ou cadastro/avaliação do serviço de saúde), todas as crianças indígenas e quilombolas da faixa etária de 5 a 11 anos, todas as crianças institucionalizadas e em situação de rua (faixa etária de 5 a 11 anos) e todas as crianças em abrigos devido a situação das enchentes.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

Bahia atinge 8.560 casos ativos de Covid-19; 8 óbitos são registrados

Sexta-feira, 14 de Janeiro de 2022 / Bahia

A Bahia registrou nesta sexta-feira (14) 8.560 casos ativos de Covid-19. A última vez que o estado teve um número de ativos maior ao de hoje foi em 24/07/21, quando foram registrados 9.042 ocorrências. O boletim epidemiológico aponta ainda que, nas últimas 24 horas, foram computados 2.430 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,19%), 1.118 recuperados (+0,09%) e 8 óbitos. Dos 1.286.166 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.249.956 já são considerados recuperados e 27.650 tiveram óbito confirmado.

Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.710.051 casos descartados e 280.464 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta sexta-feira. Na Bahia, 53.417 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 10.871.534 pessoas vacinadas com a primeira dose, 261.744 com a dose única, 8.966.799 com a segunda dose e 1.710.986 com a dose de reforço.


Blogbraga/Sesab

Compartilhar no Whatsapp

Setor produtivo se une para ajudar população atingida pelas enchentes na Bahia

Sexta-feira, 14 de Janeiro de 2022 / Bahia

Diante das fortes chuvas que acometem a Bahia desde dezembro de 2021, desabrigando e causando perdas materiais para inúmeras famílias, as entidades do setor agrícola do Oeste Baiano, com apoio do comércio barreirense, retomou a Campanha Solidária Plantar para Alimentar. A iniciativa arrecada donativos em toda a região para entregar aos atingidos pelas enchentes. Em várias regiões as chuvas continuam alagando casas e rompendo estradas, o que causa transtornos e, muitas vezes, o isolamento de comunidades rurais.

Duas frentes foram estabelecidas como forma de amenizar os impactos no Estado: a primeira, contou com uma ação pontual entre a Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba) e a Associação Baiana de Produtores de Algodão (Abapa), que doaram 60 toneladas de alimentos para as cidades do Sul do Estado. Em outra iniciativa, as duas instituições supracitadas se uniram a empresas do ramo agropecuário, entidades do agronegócio e a CDL de Barreiras, na Campanha Plantar para Alimentar, que, até o fechamento desta matéria, arrecadou mais de 80 toneladas de alimentos, material de limpeza e higiene pessoal, cobertores, roupas, calçados, fogões e outros itens de primeira necessidade, que foram doados para cidades do oeste da Bahia. 

“O setor agrícola vem, desde os anos 1980, sendo a base do desenvolvimento dessa importante região, que é o Oeste Baiano. Essa força tem sido demonstrada, também, nos momentos de dificuldade, assim como ocorreu na seca de 2014, com a doação de muitas toneladas de ração para os animais, e agora, com o auxílio às famílias atingidas pelas enchentes. Isto mostra a intensidade da nossa ligação com a terra e com a população da Bahia”, disse o presidente da Aiba, Odacil Ranzi.

A Campanha Solidária Plantar para Alimentar foi criada em 2021, no auge da pandemia, pelo Núcleo Mulheres do Agro, com o objetivo de atender as famílias que passavam por situação de vulnerabilidade por conta da redução das atividades laborais. Na época, 160 toneladas de alimentos foram distribuídas.

As doações da campanha atual continuam chegando à sede da Aiba. Até a próxima semana, o volume arrecadado e repassado ao público alvo deve alcançar 6 mil cestas básicas. Participam da coleta e encaminhamento dos donativos: Aiba, Abapa, CDL Barreiras, SPRLEM, SPRB, Núcleo Mulheres do Agro, Instituto SLC, Aprosoja Bahia, Aciagri Campo Limpo, Acrioeste, Cooperfarms, Rotary Club Barreiras e Fundação Bahia.


Blogbraga/AIBA – Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

Conder conclui o mapeamento em mais quatro municípios atingidos pelas chuvas no sul e extremo sul da Bahia

Sexta-feira, 14 de Janeiro de 2022 / Bahia

Como parte da Operação SOS Chuva, as equipes de Engenharia e do Social da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder) já concluíram o trabalho de identificação e dimensionamento dos estragos provocados pelas fortes chuvas em 13 municípios do sul e extremo sul do estado. Desde o dia 15 de dezembro de 2021, 94 localidades foram visitadas. Foram quantificados um total de 977 imóveis destruídos e condenados. As atividades da segunda etapa da operação prosseguem até o dia 15 de janeiro, em mais outras 10 cidades afetadas.  

Além do levantamento de Medeiros Neto, Jucuruçu, Itamaraju, Prado, Vereda, Andaraí, Ruy Barbosa, Teolândia e Mutuípe, foi realizado também o mapeamento nas cidades de Itamari, Gandu, Wenceslau Guimarães e Ituberá, totalizando 13 cidades. No mapeamento realizado pelas equipes nas visitas de campo são recolhidos os dados preliminares.  

As causas mais frequentes dos estragos em residências, pontos comerciais e prédios institucionais estão relacionadas com às enchentes; problemas de falta de infraestrutura, como rede de drenagem e esgoto; além de construções próximas às encostas.  

Nos municípios de Jucuruçu, Itamarajú, Medeiros Neto e Vereda, os 151 imóveis que foram destruídos ou condenados estão localizados à margem dos rios. Já em Prado e Ruy Barbosa as equipes técnicas da Conder identificaram 46 edificações que sofreram danos relacionados com problema de drenagem e na rede de esgoto. Em Andaraí, os 122 imóveis atingidos pelas águas, possuem fissuras provocadas também pelo deslizamento de barranco.  

Contenção de encosta 

A Conder vem elaborando projetos e executando obras de contenção de encostas, desde 2014, dentro do Programa Estadual de Prevenção de Desastres Naturais, voltadas para as áreas de risco alto e risco muito alto, onde são implantadas soluções definitivas para levar tranquilidade à população. De um total de 119 contenções, que estão sob a responsabilidade da companhia, 79 já foram concluídas em Salvador e mais três em Candeias.     

Levando em consideração a experiência da equipe de Engenharia da Conder, na execução de contenções, um grupo de técnicos foi designado para participar da Operação SOS Chuva, iniciando visitas técnicas em cada uma das localidades, onde ocorrem deslizamentos de taludes. O tipo de técnica escolhida será definido com base na característica de cada encosta e da sua extensão. Já foi identificado que serão necessárias a construção de contenção nos municípios de Teolândia, Mutuípe, Itamari, Gandu, Wenceslau Guimarães e Ituberá. 

No município de Mutuípe, nas quatro áreas mais atingidas, foram observados diversos pontos de escorregamento de taludes, sendo necessário o remanejamento de 161 unidades residenciais. Também foi verificada a necessidade de estabilização de encosta em quatro áreas do município de Itamari. 

Em Gandu, 74 imóveis foram destruídos, em cinco diferentes áreas, onde serão necessárias ações de estabilização de encosta. O Povoado do Rio Preto foi a localidade mais atingida pelas fortes chuvas, na cidade de Wenceslau Guimarães. A equipe técnica contabilizou um total de 220 imóveis que estão condenados, devido ao deslizamento de talude. Já em Teolândia, 188 edificações foram condenadas, em quatro diferentes pontos do município, onde também foram identificadas a necessidade da construção de contenção. 


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp

BAHIA: 37 armas são apreendidas na Operação Força Total

Sexta-feira, 14 de Janeiro de 2022 / Bahia

A Polícia Militar da Bahia apreendeu 37 armas de fogo durante a Operação Força Total realizada nesta quinta-feira (13), nos 417 municípios baianos.  

Além das armas, as equipes da PM abordaram mais de 63 mil pessoas e 35 mil veículos (carros e motocicletas).  Ao todo, 127 pessoas foram conduzidas para a delegacia e 60 presos em flagrante. Também foram apreendidos 15 adolescentes, 33 Termos Circunstanciados instaurados, 17 mandados de prisão cumpridos, 1.340 veículos autuados, 322 veículos apreendidos.

Força Total - A Operação visa intensificar o policiamento ostensivo, preventivo e repressivo com o objetivo de potencializar as ações e operações policiais em andamento, ampliando a segurança no estado.

Ao todo, mais de cinco mil policiais militares, inclusive de unidades administrativas e de ensino, reforçam o policiamento nas ruas nas modalidades a pé, em viaturas, motocicletas, bases móveis e em postos de abordagem policial.

PMBA, UMA FORÇA A SERVIÇO DO CIDADÃO!


Blogbraga/PM-BA

Compartilhar no Whatsapp

Decreto prevê aplicação de penalidades a estabelecimentos que desrespeitarem limite de público em eventos na Bahia

Sexta-feira, 14 de Janeiro de 2022 / Bahia

Está publicado no Diário Oficial do Estado, edição desta sexta-feira (14), o decreto determinando que o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia observe a aplicação de penalidades a estabelecimentos que descumprirem o limite máximo de público nos eventos realizados no estado. As punições são: advertência escrita; multa; embargo, temporário ou definitivo, de obras e estruturas; interdição total ou parcial de obras, eventos, estabelecimentos, máquina ou equipamento e cassação do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros - AVCB.

Na última segunda-feira (10), após reunião com a secretária de Saúde, Tereza Paim, o governador Rui Costa decidiu reduzir de 5 mil para até 3 mil o número máximo de pessoas em eventos em todo o território baiano, incluindo estádios de futebol. O decreto foi publicado na terça-feira (11) e vale até o dia 25 de janeiro.

Além do número máximo de 3 mil pessoas, os eventos devem obedecer à regra de lotação máxima de 50% da capacidade de cada local.  Estão mantidas no decreto as obrigatoriedades da comprovação de vacinação contra a Covid-19 e do uso de máscara pelo público e demais participantes dos eventos. Essa exigência se estende a bares e restaurantes, que devem exigir dos clientes o comprovante de vacinação.

A decisão pelo reforço de medidas de maior restrição ocorre para tentar conter o aumento dos registros de H3N2 e de casos de infecção pelo coronavírus. O número de casos ativos de Covid-19 na Bahia chegou a 7.256, de acordo com o boletim mais recente divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), nesta quinta-feira (13).


Blogbraga/Secom - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia

Compartilhar no Whatsapp
TOP Qualidade 2020
Rádio Cidade FM 95,9
Facebook
Tempo
Moeda
Conversor de Moeda
Cotação

Cotações de Commodities fornecidas por Investing.com Brasil.
Contabilidade Rio Grande - Parceira dessa Causa
PARCEIROS
Dique Denuncia DBT SBS DPVAT UMOB Luz motos Sutrans Jaú Online Minas Aço Contabilidade Rondon P&F Açaí do Chiquinho LH Madeiras Sportime G7 NET Casa do Marceneiro Delícia Casa da Ferramenta Extreme ASMAT Vida Farma CISO Global Imperial Dupará Açaí Neli Guarda Municipal Grupo Marabá PM Transporte Guincho Paraíba